Daily Archives: 2009/04/28

Carla Bruni: o roubo das fotografias e vídeos “privados” e uma questão daqui decorrente sobre o Pirate Bay e o Google

Ele, Ela, a Rainha e... umas fotografias algures por aí (http://www.sfgate.com)

Ele, Ela, a Rainha e... umas fotografias algures por aí (http://www.sfgate.com)

Talvez um dos temas mais “quentes” da atualidade cibernética seja hoje não o H1N1, ou vírus da “Gripe Suína”, nem a Recessão Mundial mas… as imagens e vídeos “privados” de Carla Bruni, a mulher do presidente francês Nicolas Sarkozy: Na internet é já possível encontrar essa Torrent de Carla Bruni.

Segundo o “Daily Mail”, um ladrão teria furtado videos e fotografias “muito intímas” de Carla Bruni em que esta surge provavelmente com o seu antigo namorado pré-sarkoziano Raphaël Enthove. Até ao momento, todas as torrents existentes em diretórios parecem falsas (é o que dizem… pelo menos) e isso quer dizer que quem as detém ainda as está a tentar negociar com um comprador…

O ladrão em questão terá invadido a casa do irmão desse ex-namorado bruniano onde se encontravam estas fotografias e parecia saber exatamente onde estas se encontravam tendo levado as fotografias, uma câmara fotográfica, vídeos e vários ficheiros. O roubo foi feito a uma residência em Paris, e como nada mais foi furtado, trata-se de um “roubo cirúrgico” realizado com informação muito precisa… E com certeza remunerado, já que entre os anteriores namorados de Bruni se encontram Mick Jagger, Eric Clapton entre muitos outros… Todos podem agora vir a surgir na Internet em situações mais ou menos embaraçosas, para todos, mas sobretudo para a Primeira Dama francesa e para o seu Presidente!

Fica também a questão de saber porque estavam estas fotografias e vídeos na casa do irmão do ex-namorado de Bruni… esperando que destino? E a pergunta surge inevitavelmente: terá mesmo havido roubo ou houve apenas um puro desaparecimento deste material, para que depois pudesse vir a reaparecer algures?

E fica também outra – a maior – pergunta: se os gestores do Pirate Bay Fredrik Neij, Gottfrid Svartholm Warg, Peter Sunde e Carl Lundström foram condenados a 1 ano de cadeia e ao pagamento de 2,7 milhões de euros de indemnização por alojarem no seu site torrents como estas (falsas ou não) então porque é que os donos do Google não estão também a ser processados, já que fazem precisamente a mesma coisa, como poderá constatar quem clicar no hiperlink? E é claro que não devem ser processados, como demonstra o absurdo desta própria questão… Nem eles, nem os suecos do Pirate Bay, aliás. Desde quando é que a informação sobre um crime é crime? Todas as notícias sobre crimes devem levar os seus redatores à cadeia? Todos os conteúdos indexados no Google versando sobre assaltos, violações, crimes de guerra, etc, devem levar à cadeia os responsáveis do motor de busca? Claro que não… pelo menos não tanto quanto os responsáveis pelo Pirate Bay.

E quanto o(s) tipo(s) que roubaram estas imagens “privadas” de Carla Bruni…

Fonte:

http://www.dailymail.co.uk/news/worldnews/article-1174221/Highly-intimate-photos-video-Carla-Bruni-ex-lover-stolen-Paris-flat.html

Categories: Informática, Sociedade | Etiquetas: , | 5 comentários

Desenvolvimentos do Embraer KC-390

Na sétima feira internacional de “Latin America Aero and Defence” que se realizou em Abril, no Rio de Janeiro, a construtora aeronáutica Embraer anunciou que o governo brasileiro tinha assinado um contrato para o desenvolvimento do novo avião cargueiro militar KC-390. Ainda que os valores não tivessem sido então referidos, acredita-se que devam não ser inferiores a 1.5 biliões de dólares durante sete anos, claramente inferiores aos do babilónico A-400M que custará 80 milhões de dólares por avião, num programa que no seu total (incluindo os 200 aparelhos a construir) ficará nunca a menos dos… 22 biliões de dólares. Ora como um C-130J (inferior ao A-400M, certamente) custa apenas 67 milhões de dólares e este novo KC-390 deverá custar menos de 50 milhões, então estamos perante um forte concorrente neste disputado mercado internacional.

A Colômbia já expressou interesse em participar na construção do aparelho, embora existam algumas dúvidas (legítimas) quanto à capacidade técnica do país de integrar um programa tão complexo… Igual interesse também já foi expresso pela Denel sul-africana, país que opera atualmente uma frota perigosamente envelhicida de cargueiros C-130. Contudo, não é certo que existam verbas disponíveis para comprar KC-390, já que em 2005, o país se comprometeu a adquirir entre 8 a 14 A400M, a entregar entre 2010 e 2014, e isso não deverá deixar muita verba disponível para um transportador mais ligeiro, como o KC-390.

A Embraer vai construir 23 KC-390 para a Força Aérea Brasileira, devendo o primeiro entrar ao serviço em 2015.

Fontes:
http://www.defenseindustrydaily.com/Embraer-Launches-KC-390-Tactical-Air-Transport-Program-05380/?utm_campaign=newsletter&utm_source=did&utm_medium=textlink#more-5380
http://en.wikipedia.org/wiki/Embraer_C-390

Categories: Brasil, DefenseNewsPt | Etiquetas: , | 11 comentários

Quids S16: Em que dia foi tirada esta fotografia?

a5

1. Todos os quids valem um ponto.

2. Os Quids são lançados pela manhã. Entre as 6:00 e as 10:00 (Hora de Lisboa)

3. As pistas só serão dadas à hora de almoço (12:30-14:30). Contudo, nesse período do dia seguinte podem ser dadas várias pistas, desde que pedidas por um (qualquer) dos participantes.

4. Só há quids entre 2ª e 6ª (incluindo feriados). Salvo imprevisto…

5. Os Quids terminam quando um concorrente chegar aos 30 pontos.

6. É vivamente desencorajado o uso de vários nicknames para o mesmo concorrente, já que desvirtua o espírito do jogo. Lembrem-se que o IP tudo revela

Categories: Quids S16 | 23 comentários

Enunciado de uma estratégia para combater a pirataria somali


Um pirata somali a bordo de um navio capturado em http://www.rnw.nl

A presente situação nas costas ao largo da Somália expõe uma verdade insofismável: os navios das marinhas modernas são demasiado grandes, pesados e complexos para este tipo de ameaça. Isto mesmo foi revelado pelo recente incidente com o Maersk Alabama. De um lado, temos Senhores da Guerra, mais ou menos ligados a grupos terroristas islamitas somalis e que a partir da segurança das suas bases na costa enviam pequenos grupos de piratas, armados de AK-47 e RPG-7 atacar e capturar cargueiros que passem ao largo da sua costa. Estes piratas, operando a partir de pequenas embarcações ou de barcos de pesca, obrigam à manutenção na região de uma grande força naval internacional, num custo que é tremendo e que ascende a vários milhões de dólares mensais (sem contar com o preço dos resgates e dos atrasos nas entregas de mercadorias). Contra estas pequenas embarcações, a Marinha dos EUA alinhou com um cruzador CGN 25 Bainbridge um navio de grandes dimensões, e por isso caro de manter e de construir, mas capaz de transportar vários pelotões de SEALs e de pequenas embarcações rápidas, para além de mini submarinos capazes de levar um grupo de SEALs na maior discrição até ao navio sequestrado e resgatar quaisqueres prisioneiros com baixas mínimas. Mas, na verdade tudo isso poderia ser assegurado por um cargueiro – apenas ligeiramente armado – mas rápido e provido de abundante equipamento de comunicações e deteção, uma espécie de navio especializado de combate a piratas, muito mais barato que estes pesados cruzadores concebidos na Guerra Fria e por isso mesmo, raros e insuficientes…

A única forma de realmente combater militarmente esta ameaça não é de a de enviar fragatas, destroyers e cruzadores atrás destes piratas que operam a partir de barcos de pesca ou de lanchas rápidas. É fazer com que todos os navios que cruzem estas águas naveguem em comboio, é colocar na região vários aviões de vigilância e colocar entre os comboios navios de guerra pequenos, rápidos e defendidos por pequenos grupos de fuzileiros. Manter uma tal estratégia ficará a apenas uma fração do custo atual de manter uma frota multinacional datada da Guerra Fria na região, com uma eficácia muito maior… já que tantos navios indianos, chineses, europeus e norte-americanos não conseguiram deter a captura de quase 30 cargueiros só nos primeiros três meses deste ano por parte dos piratas somalis.

E esta estratégia “ligeira” nem tem que ser necessariamente conduzida pelos governos nacionais… como quem em estado a suportar o essencial destes custos com resgates têm sido as Seguradoras, não deve faltar muito tempo até ver flotilhas de barcos ligeiros e rápidos, guarnecidos com mercenários pagos por estas empresas a patrulhar comboios como aquele que antevejo no capítulo anterior. E isto vai acontecer inevitavelmente quando o primeiro pirata perder a cabeça e disparar uma rajada de AK-47 ou um RPG sobre um petroleiro carregado e este… explodir causando um prejuízo de biliões de dólares à seguradora. Algo que – a este ritmo – irá acontecer dentro de muito pouco tempo. Até esse momento, as Seguradoras nada farão, e confiarão nos orçamentos de Defesa dos Estados para que estes continuem a fazer um trabalho que no essencial, lhes diz diretamente respeito. E aos nossos impostos, que financiam estas operações, claro.

Outra solução efetiva poderá passar pelo puro e simples bloqueio naval dos portos a partir de onde as flotilhas piratas operam… Bloquear o necessariamente limitado de portos a partir de onde os somalis podem operar iria exigir um número muito inferior de meios, especialmente quando comparado com os custos e a baixa eficácia demonstrada pela atual tática de patrulhar milhares de quilómetros quadrados de Oceano… Estes bloqueios poderiam depois ser complementados pela técnica dos comboios escoltados pelos navios ligeiros e equipas de fuzileiros apoiados por aviões e UAVs de vigilância naval indicados no parágrafo anterior.

Fontes:
http://www.defensetech.org/archives/004797.html
http://www.chinadaily.com.cn/china/2008-12/17/content_7311735.htm

Categories: DefenseNewsPt, Defesa Nacional, Política Internacional | Etiquetas: | 14 comentários

Create a free website or blog at WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade