Daily Archives: 2009/04/27

Viriato – A Epopeia Lusitana

Da autoria de Teófilo Braga, antigo Presidente da República Portuguesa, a Zéfiro editou o romance histórico “Viriato – A Epopeia Lusitana”.

Integrado na colecção “Clássicos Zéfiro”, e com a chancela do “Projecto Apeiron” – destinado à edição de obras clássicas reconhecidas pela seu elevado prestígio cultural e literário -, dirigido por Dulce Leal Abalada e Eduardo Amarante, este livro relata a mítica história dos antigos povos lusitanos e do seu chefe heróico, Viriato.

Ler um Excerto | Consultar o Índice

Categories: Livros | Deixe um comentário

Waledac: Uma das novas encarnações do Conficker e o começo da ativação da sua botnet…

O vírus informático Conficker que, em 1 de abril surgiu novamente nos meios de informação porque essa era a data da sua “activação”, isto é, a data em que buscaria novas versões de si mesmo, atualizando-se, tornou novamente a regressar à primeira página de muitos jornais. E com razão, já que os seus criadores controlam hoje uma rede de computadores escravizados pelo Conficker que contará com uns largos milhões de pcs espalhados por praticamente todo o mundo.

Até agora essa imensa e poderosa rede escrava esteve inativa, aceitando ofertas pelo seu aluguer (provavelmente), mas há sinais de que já não está latente e que foi ativada, pelo menos parcialmente, para disseminar spam e instalando spyware nas maquinas afetadas.

A botnet do Conficker está agora parcialmente ativa, mas apenas numa pequena percentagem onde foi instalado um segundo vírus, de nome Waledac, dedicado em enviar spam a partir dos computadores infectados e instalando também um falso programa de anti-spyware que, de facto, é um… Spyware. De facto, a ação do Waledac não corresponde ao padrão normal de aluguer de uma rede de botnet, mas antes ao de uma venda pura e simples, já que os pcs infectados e onde o Waledac foi instalado pertencem agora não à botnet do Conficker, mas a uma outra, controlada pelos gestores da botnet Waledac. Esta botnet não é nova e funciona já há quase dez anos, espalhando spam, em exclusivo.

Aguarda-se ainda que o grosso desta botnet com dezenas de milhões de computadores controlada pelos criminosos por detrás do Conficker seja ativada, decorrendo provavelmente ainda neste momento um processo lento e delicado de negociações em que redes de criminosos russos e chinesas oferecem aos donos do Conficker propostas num leilão secreto, algures nos segmentos mais secretos da Internet. Estas máfias cibernéticas, contudo, não se dedicam apenas à propagação de spam, recolhendo a maioria dos seus rendimentos de operações de pshishing onde extraem às suas vítimas dados pessoais que lhes permitem depois aceder e roubar as suas contas bancárias online. De permeio sabe-se que o exercito chinês também tem instalado malware em vários computadores de redes sensíveis ocidentais e que, portanto, o próprio governo chinês pode estar neste momento a lançar propostas no leilão pela venda ou aluguer da botnet Conficker.

Fontes:
http://www.reuters.com/article/newsOne/idUSTRE53N5I820090424

http://ultimahora.publico.clix.pt/noticia.aspx?id=1377013

Categories: Informática | Etiquetas: | 2 comentários

Quids S15: Qual era o nome deste ator?

sssw1a

2. Os Quids são lançados pela manhã. Entre as 6:00 e as 10:00 (Hora de Lisboa)

3. As pistas só serão dadas à hora de almoço (12:30-14:30). Contudo, nesse período do dia seguinte podem ser dadas várias pistas, desde que pedidas por um (qualquer) dos participantes.

4. Só há quids entre 2ª e 6ª (incluindo feriados). Salvo imprevisto…

5. Os Quids terminam quando um concorrente chegar aos 30 pontos.

6. É vivamente desencorajado o uso de vários nicknames para o mesmo concorrente, já que desvirtua o espírito do jogo. Lembrem-se que o IP tudo revela…

Categories: Quids S15 | 36 comentários

H1N1: o vírus da “Gripe Suína”

Um grupo de estudantes neozelandeses, que passavam ferias no México, parecem ter sido infectados com o vírus da “gripe suína”. Esta nova e muito perigosa variante do vírus da gripe humana tem sido reportada em vários locais nos EUA e no México, país onde se registam já pelo menos 103 mortos e 11 nos EUA (Na fronteira e em Nova Iorque), com mais de 1600 infectados. A situação levou já vários países do mundo (Japão, Coreia do Sul, Canadá, entre outros) a recomendarem aos seus cidadãos que evitassem viajar para o México e a Organização Mundial de Saúde já emitiu um alerta internacional.

O vírus em questão é o H1N1, ou “vírus suína”, uma variante do “influenza A” e ainda que possa como a mutação teórica da “gripe das aves” ser combatida com o Tamiflu a taxa de morte atual (1 para 100) é muito elevada e o vírus muito mutante, o que causa ainda mais preocupação com uma forma mais letal que ele possa assumir numa nova mutação.

Dos 25 estudantes e professores neozelandeses, 14 revelam sintomas gripais, com 4 deles em situação de maior gravidade. Estando atualmente todo o grupo de quarentena, em casa. E pelo menos dois grupos de estudante norte-americanos também já revelaram sintomas, tendo estes contactado centenas de pessoas, nos EUA, o que faz aumentar o receio de que possa já haver focos locais da doença. A Cidade do México ordenou o encerramento temporário de todas as escolas e universidades. Estão atualmente internadas, em todo o México cerca de 1300 pessoas com sintomas gripais, desconhecendo-se destas, quantas terão o H1N1.

Este vírus é especialmente preocupante porque deriva diretamente de uma variante muito comum do vírus da gripe humana e porque foi capaz de infectar uma tão grande percentagem de alvos humanos jovens e saudáveis, como o grupo neozelandês. O vírus merece também muita preocupação porque se sabe que embora seja originário dos suínos, pode propagar-se aos seres humanos e sabe-se que pode depois expandir-se, mutando-se sempre, é esta maneabilidade que o torna difícil de combater e impossível de tratar por via de uma vacina.

Depois de todo o alarme criado no ano passado pelo “vírus da gripe das aves”, que muitos especialistas temiam que fosse mutar para uma variante humana (e ainda temem), não deixa de haver uma certa ironia no facto desta mutação perigosa estar a acontecer num dos animais que geneticamente mais próximo esta do Homem: o porco… O surto começou no México, o que é também uma grande fonte de preocupação, já que é um dos países mais populosos do continente americano e com um sistema de saúde público muito ineficiente. O México tem também uma longa e muito permeável fronteira com os EUA, assim como uma grande comunidade migrante neste país. Daqui, o vírus poderá rapidamente propagar-se – por via aérea – a outros países do mundo, já que os EUA são dos países centrais no trafego mundial aéreo de passageiros. Se na Idade Média, a Peste Negra levava décadas a passar da Crimeia às Ilhas Britânicas, hoje com o avião, uma “gripe suína”, letal e viral, pode rapidamente espalhar-se por todo o globo em poucas semanas… Por outro lado já há vários casos reportados em Espanha, país que alberga uma grande comunidade de emigrantes mexicanos e se o vírus se instalar em Espanha – devido à inexistência de fronteiras no Espaço Shengen – irá propagar-se rapidamente, estando Portugal, pela sua fronteira comum e pela intensidade de trocas comerciais e turísticas entre os dois países ibéricos, na linha da frente e um dos países que brevemente conhecerá também casos desta “gripe suína”.

Acompanhemos pois com muita atenção o que se passa no México com este H1N1 e recomendemos prudência a todos aqueles que conhecemos e que estavam a planear férias em território mexicano…

Fontes:
http://www.cnn.com/2009/HEALTH/04/26/swine.flu/index.html?eref=rss_latest

http://ultimahora.publico.clix.pt/noticia.aspx?id=1376818&idCanal=62

Categories: Ciência e Tecnologia, Saúde, Sociedade | Etiquetas: | 56 comentários

Sobre o Mars Science Laboratory, a MAVEN e o estado atual do programa marciano da NASA

A sonda marciana MAVEn, a lançar em 2013 em http://www.nasa.gov

A sonda marciana MAVEN, a lançar em 2013 em http://www.nasa.gov

O programa robótico norte-americano de pesquisa do planeta Marte está praticamente morto. Os recursos disponíveis são mais escassos do que nunca, e são disputados entre três prioridades completamente distintas: o regresso à Lua desejado pelo anterior presidente Bush, a exploração por vestígios de vida nas fascinantes luas jovianas e a continuação da exploração robótica do Planeta Vermelho.

O próximo passo da exploração marciana deve ser cumprido pelo “Mars Science Laboratory“, atrasado recentemente até 2011 e cujo orçamento já disparou para uns impressionantes 2,2 biliões de dólares, já muito além dos custos mais modestos dos Rovers que ainda hoje navegam pelas areias marcianas e, de facto, aproximam-se dos custos estimados para enviar uma missão aos satélites de Júpiter ou de Saturno, onde se sabe haver condições teóricas para a sustentação de formas de vida e onde a primeira missão à lua joviana Europa não deverá custar mais do que isso… Será que Marte pode competir com as promissoras luas Europa, Enceladus e Titã, quando tem recebido tanta atenção nos últimos anos e estas prometem tantas descobertas fascinantes e têm recebido comparativamente menos recursos que Marte.

Os novos destinos podem aproveitar com os problemas com o Mars Science Laboratory e ocupar o espaço deixado pelo vazio marciano que os seus desvios orçamentais irão provocar. Especialmente porque apesar de todos os orbitadores, rovers e landers atualmente em Marte, embora haja provas da existência de gelo de água e – talvez – de água líquida, ainda não houve sinais de vida em Marte, nem passada, nem presente, algo que começa a frustrar alguns exobiólogos e fazer surgir a crença de que é melhor começar a focar noutros locais do Sistema Solar.

Apesar disso, a missão que após o Mars Science Laboratory a NASA vai enviar a Marte parece mais ou menos assegurada. Trata-se da “Mars Atmosphere and Volatile Evolution Mission” (MAVEN) que será lançada em 2013 e que vai estudar o passado climático em Marte, concentrando-se especialmente na possibilidade ter albergado vida. Há também uma terceira missão marciana em estudo e que deverá ser lançada em 2016 e que poderá ser um orbitador construído em parceria com a ESA.

Fonte:
http://www.space.com/news/090323-nasa-mars-program.html

Categories: Ciência e Tecnologia, SpaceNewsPt | Etiquetas: , , , | Deixe um comentário

Create a free website or blog at WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade