França e Brasil reforçam os laços de cooperação estratégica e militar

Os chefes de Estado do Brasil, Lula da Silva e de França, Nicolas Sarkozy confirmaram a robustez da aliança estratégica entre os dois países através da assinatura de um pacote de dez acordos – sobretudo militares – e da tomada de posições comuns no domínio de estratégias para lidar com a crise financeira mundial.

Estes acordos confirmam a já conhecida decisão de transferir para o Brasil a construção de quatro submarinos Marlin e o casco do primeiro submarino nuclear de ataque brasileiro. O encontro serviu também para confirmar a construção local de 50 helicópteros. Para além destas confirmações, foi também anunciada a construção de um novo estaleiro e de uma base naval, empregando ambas tecnologia francesa.

A França e o Brasil assinaram também um abrangente plano de ação que vai estabelecer linhas para uma acao conjunta no campo político, cooperação económica, comercial, militar, nuclear, ambiental, educativa e até espacial… Ficando assim aberta a possibilidade de cooperação no desenvolvimento do foguetão brasileiro VLS, ficando por saber como se enquadra o já assinado acordo com a Ucrânia.

Um outro ponto importante foi aquele em que Sarkozy defendeu a presença mais ativa no Brasil na cena internacional, nomeadamente através da sua inclusão enquanto membro permanente do Conselho de Segurança da ONU e incluído igualmente numa extensão do atual G8 a um eventual G14.

A aproximação entre França e Brasil é importante quer no domínio estratégico para a afirmação deste BRIC na cena internacional e para que este país Lusófono assuma finalmente um protagonismo que se ainda não cumpriu nas ultimas décadas, quer nos fóruns internacionais como o CS da ONU, quer num eventual G14. Do ponto de vista tecnológico, no campo aeroespacial, naval, nuclear e espacial, pode revelar-se determinante para tornar a tecnologia brasileira nestes campos paritária com aquilo que de melhor se faz na Europa e no mundo. Do ponto de vista estratégico, a aproximação é útil para ambos os países, dada a continuidade da presencia da Franca na Guiana – com fronteira com o Brasil – e no Pólo Sul.

Fonte:
http://g1.globo.com/Noticias/Mundo/0,,MUL933487-5602,00-LULA+E+SARKOZY+REFORCAM+ALIANCA+COM+ACORDOS+MILITARES+E+POLITICOS.html

Anúncios
Categories: Brasil, Ciência e Tecnologia, DefenseNewsPt, Movimento Internacional Lusófono, Política Internacional, SpaceNewsPt | 19 comentários

Navegação de artigos

19 thoughts on “França e Brasil reforçam os laços de cooperação estratégica e militar

  1. Ontem(23/12/2008-sábado, assinado o acordo Brasuca/Francos, bom p/ os dois países, o BRASIL queima etapas e a França vende tecnológia, concordo c/ o frances quando diz q o Brasil tem de ser + atuante no cenario internacional, boa chance, os países lusofónos e a área da somália…Com autorização da ONU, sempre ; é se bemvindo este acordo…(Olho neles…)

  2. Lusitano

    Recomendo a leitura:

    http://www.europa-america.pt/product_info.php?products_id=5600

    Data de Edição: Dezembro 2008

    🙂

  3. Parece-me coisas dos illuminattis…as iminências pardas do poder atrás do poder global, até pode ser, + fico um pouco reticente.

  4. Carlos:
    É precisamente nesse cenário (Somália) que acho que faz agora falta a Marinha Brasileira… E espero que se confirme a notícia do envio de uma Vasco da Gama portuguesa. Seria notável ver dois navios lusófonos a operar nessas águas.

    Lusitano:
    “Toda a Verdade sobre o Clube Bilderberg
    [104542] €23.90
    Toda a Verdade sobre o Clube Bilderberg
    Clique para ampliar
    Autor: Daniel Estulin

    Durão Barroso, José Sócrates, Francisco Pinto Balsemão,
    António Guterres, Santana Lopes, Vítor Constâncio
    são alguns dos nomes portugueses que integram o clube Bilderberg”

    Sim! Estranhamente Santanaz esteve nessas reuniões! O que só prova que os “senhores do mundo” estão muuuuito longe de serem omniscientes…

  5. Pertence a Sociedades dos Nove. servidores do Rei dos Mundos , já ouviram falar?

  6. Revoltado

    Clavis,

    De todos os nomes portugueses apontados, só um tem alguma importância; Pinto Balsemão. Mas em relação ao topo da pirâmide, ele é um empregadinho.
    Os outros senhores apontados são simplesmente idiotas úteis que foram ao Bilderberg prestar homenagem aos senhores do mundo, que se divertem a ver os seus macacos de estimação.
    São escolhidos entre imbecis totalmente comprometidos com esquemas que os tornam reféns de quem os promove.
    De resto, pesquise acerca dos comentários de Kissinger(esse sim um verdadeiro membro do topo) sobre Durão Barroso na reunião que decidiu mandar o burro para Bruxelas. Ilustra bem o que escrevi.

  7. Carlos:
    “Sociedade dos Nove”, não de facto não, mas presumo que haja uma ligação aos Illuminati…
    http://pt.wikipedia.org/wiki/Illuminati

    Revoltado:
    Todos os portugueses aqui listados são membros de um segundo ou terceiro círculo… São meros e cegos executantes dos ditamos do primeiro círculo, sem dúvida.
    E Fujão Barroso, será o mais obediente de todos… o Cherne fisgado da UE.

  8. Edmar

    Pelo que eu vi, o Rafale é campeão…

  9. parece ser aliás essa a opinião mais comum…

  10. Fred

    É parece que o projeto a la De Gaulle para o Brasil está deslanchando.

    Espero ver esse projeto de gaullismo brasileiro em pleno andamento e que tenha continuidade.

    O Brasil merece um neou école! pelo menos penso assim.

  11. Fred

    corrigindo neuve école, meu francês é uma merd 😉

    acho que vou ter que aprender, do jeito que vai a coisa! hehehehehe 🙂

  12. o meu já foi bom… nos tempos em que lia todas as semanas a “à Suivre” e a Métal Hurlant.
    Onde eles já vão…

  13. Bonafide

    Acho bom as atualizações do Brasil no campo da defesa; porém o Brasil ainda não está na posição de vanguarda, criando tecnologia nova, apenas esforçando-se para estar atualizado; espero que o Brasil passe dessa fase e comece a produzir tecnologia nova.

  14. é preciso recuperar, para criar bases para um crescimento sólido e estável.
    a estratégia é correta e está a ser bem seguida.
    penso eu, em perspectiva, aqui deste outro lado do mar Oceano…

  15. E isso aíh, ir aalém da modernização, Reinventar a IMBEL e investir nela , por fazer pedidos…o q me preocupa e essa demora no reekipamento das nossas FAs..e q a crise ñ mude o nossos objetivos.

  16. Decisão e Coragem (Já Atualizado ) !!!

    Precisamos de capacidade e determinação para mudarmos o Planejamento Estratégico da nossa Lei Orçamentária. O Plano Estratégico de Defesa já foi assinado, muito bem !!!. Agora precisamos programar, com disciplina e certa urgência, o comportamento legal das nossas despesas orçamentárias públicas, ou, vamos concluir, logicamente, que o citado Plano não é importante para a soberania nacional. Não restam dúvidas que decisão e coragem são importantes para o governo tornar a execução do Plano Estratégico possível, com isso ele governo deverá mudar seu pensamento de “fome zero”,” PAC disto ou PAC daquilo” para centrar no cumprimento legal do orçamento, e notadamente, com o Plano Estratégico que ele próprio aprovou. Vamos investir pesado nas Faz, se forem necessários 1 bilhão, para renascer a industria bélica, vamos coloca-los imediatamente à disposição do EB, se para a MG forem necessários 4 bilhões e para FAB, 8 bilhões vamos aplicar nosso plano de redução de custos orçamentários na gestão pública, assim:

    1)-diminuir o tamanho da estrutura organizacional dos Poderes Legislativo ( podíamos extingui-los de vez, pois, só roubam ), Executivo, Judiciário;
    2)- acabar com as despesas públicas que estejam fora da Lei Orçamentária, isto é, “PACs” de todos os tipos;
    2)- acabar com as despesas orçamentárias de cunho político demagógico;
    3)-canalizar, em emergência, financiamentos e investimentos de recursos do BNDES, CAIXA ECONÔMICA, PETROBRÁS, PRÉ-SAL, E INSTITUIR um TRIBUTO específico para o rearmamento nacional, e, cadeia para os ladrões nacionais = este somatório de recursos ( economia de custos ) direcionar para um FUNDO de RESERVA NACIONAL p/ INVESTIR PESADO nas Fas;

    Por que assinar um contrato com a IVECO para construção de blindados sob rodas? Não seria mais estratégico renascer, com outro nome, a principal empresa produtora de material bélico ?
    A falta de dinheiro é uma coisa presente nas finanças do Brasil, mas incompetência crassa, é outra coisa!! Temos ainda vivas a AVIBRÁS e a IMBEL. A AVIBRÁS recentemente construí o Guará, blindado de 4×4, mas o EB não se interessou. Quem mostrou competência para fazer um 4×4, certamente, poderá fazer um 6×6, um 8×8, ou até um 10×10, até anfíbio. Repito o que disse, nossos engenheiros militares são muito competentes. Se por acaso, for necessário assinamos, um acordo militar com a Alemanha ( não seria a 1ª tentativa ) ou Rússia, para acelerar a assimilação de conhecimentos atuais sobre blindados. Temos no passado, projetos bem realizados do, URUTU, do Ogum, do Charrua, do Sucuri, do Tamoio, do Osório, do Jararaca, e do CASCÁVEL cuja experiência resultante e o conhecimento de nossos engenheiros e técnicos militares, apesar do tempo ter passado, não se perderam, e nem, faliram. Competência não nos falta. O Centauro italiano é uma cópia descarada do Sucuri brasileiro.
    A IMBEL é a herdeira judicial dos acervos da ENGESA, da BERNARDINI, e da MOTO PEÇAS. A substituição do transporte blindado de tropas infantes M-113 do EB, poderia ser feito, também, usando-se o modelo aperfeiçoado do CHARRUA 01, construído agora pela AVIBRÁS ou a IMBEL, ou ambas as empresas, o blindado anfíbio transporte de tropas, com uma necessária modernização de blindagem, sem perder a condição de ser anfíbio para a região amazônica, com um super-sistema de armamento, artilhados e com mísseis anti-carro, anti-aéreo, ou anti-barcos de desembarques.
    Aliás, esta nova viatura CHARRUA 01, faria frente nas fronteiras da Venezuela ao violento russo BMP -3, a ser comprado pelo exército deste país.
    DEUS queira, que nossas FAs não sejam levadas ao sacrifício inútil, por causa da displicência governamental, nem tudo se resolve, com “tapinhas sindicalistas e cafezinho”. O BMP-3 russo que o Chavez vai comprar ( ou comprou ) é excelente blindado. Se acontecer no futuro, que blindado do EB fará frente a ele na Amazônia ????. Gostaria que alguém do EB me explicasse, pois, de repente existe outra saída, embora seja eu , apenas, um civil consciente de seus devedores ???? Talvez o verdadeiro inimigo ( o grande falso amigo de sempre – com a 4ª Frota ) esteja no NORTE e, não seja o Chavez.
    Falta, na verdade, muito dinheiro para este Plano Estratégico virar realidade !!! Por enquanto é somente discursos políticos irritantes, de quem não quer decidir nada, só ganhar tempo. Vamos alistar e incorporar, os filhos, netos, bisnetos e todos ao parentes próximos de todos os governantes e políticos brasileiros nas nossas FAs e remete-los para frente de combate, mais pesado e violento, na região amazônica, se necessário for !!!
    Assim, com certeza, eles verão e sentirão, com exata realidade as verdadeiras necessidades do EB. Para quem sabe o mínimo da história do povos, sabe que isto pode bem acontecer. !!!!!!!
    Por falar em BMP-3 russo, por que o EB, não se utilizar, da AVIBRÁS e da IMBEL, ou, uma 3ª empresa coligada, nestes procedimentos de fortalecimento bélico do Plano Estratégico de Defesa ???? Luiz

  17. Precisamos desta aliança com a frança, para repasses de tecnológia…e na paz q se prepara pa a guerra.

  18. Eu espero sinceramente que se produza pelo menos uns dez (10) SSKs com AIP escopénes e um cinco subs nuclear..é sem erros , podendo efetuar ataques/defesa aerea, terrestre, anti submarino e ataque a navios de superficie..Cadê o VLS?

  19. Eu espero sinceramente q se faça uns dez U 214 com AIP(10 )+ os escopenes td co AIP tbm, subs Nucler (05) e o VLS + o satélite geoestacionario p vigilância de Floresta/fronteira ,mare nostrum e comunicação militar.P ontem.

Deixe uma Resposta para Edmar Cancelar resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Create a free website or blog at WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade

%d bloggers like this: