Afinal, o pico do cérebro só se alcança aos 40 anos e… pode ser combatido

Segundo um estudo cientifico, a mielina, a proteção das células nervosas do cérebro começa a deteriorar-se a partir dos quarenta anos de idade, levando a um gradual abrandamento das capacidades motoras. Já se sabia que a velocidade com que reagíamos a um dado acontecimento – por exemplo, a velocidade com que adiantávamos o pé para evitar um rotundo tombo no chão – estava condicionada pela rapidez com que as células cerebrais emitiam esse comando. Assim se explica porque não há atletas de alta competição depois do 40… O estudo contudo, não conclui só por mas noticias… Admite também que os indivíduos que se mantêm física e mentalmente ativas, exercitando assim o seu cérebro conseguem manter os cérebros mais ativos e em melhores condições. Outros factores para aplacar esta implacável marcha do tempo, são o controlo da hipertensão, do colesterol e da diabetes. Sem estes factores, a reparação natural da mielina pode conseguir repor os danos e reduzir a perda de rapidez cerebral. Especialmente se for ajudada por baixos níveis de hormonas de stress e altos níveis de ácidos gordos Omega 3, afirma o Dr. George Bartzokis cuja equipa realizou este estudo na Universidade da Califórnia.

O estudo também demonstra que o auge do ser humano não se alcança por volta dos vinte ou trinta anos, como acredita o senso comum e conforme é mandamento sagrado nos departamentos de recursos humanos de todo o mundo. O facto de o auge ocorrer pelos quarenta quer dizer também que após este pico de desempenho físico e mental o ser humano persiste em valores ainda altos durante mais alguns anos ou décadas, algo em que infelizmente o estudo da Universidade da Califórnia não se focou, mas que evidencia que a atual política das organizações de afastarem os colaboradores com mais de 50 anos é errada e que a política de admissões de colaboradores com apenas menos de trinta anos é, no mínimo, desatualizada, especialmente em sociedades em envelhecimento constante e onde as pessoas chegam à idade de reforme em cada vez melhores condições físicas e mentais.

Fonte:
CBSNews.com

Anúncios
Categories: Ciência e Tecnologia, Sociedade | Deixe um comentário

Navegação de artigos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade

%d bloggers like this: