A China falsificou uma conversa entre os seus astronautas

A mais recente realização espacial chinesa, o pequeno “passeio espacial” de vinte minutos do astronauta Zhai Zhaigaibor a partir da cápsula Shenzhou VII teve um pouco badalado mas muito infeliz episódio… De forma algo semelhante aos patéticos episódios da “falsa menina cantora” e da “marcha étnica” dos Jogos Olímpicos, nesta muito mediática expedição espacial a China tornou a recorrer ao embuste e ao circo mediático para tentar vender a imagem de “modernidade” e “sucesso” do seu país.

A atividade espacial do astronauta em si mesma devia ser bastante aos líderes do Partido Comunista Chinês, já que além dos EUA e da antiga União Soviética, mais nenhuma nação conseguiu transportar, manter e colocar no Espaço nenhum astronauta. Mas não. Isso não bastava aos interesses da propaganda chinesa… É que várias horas antes do lançamento da Shenzhou VII a televisão estatal chinesa emitia uma passagem – supostamente em direto – de uma conversação entre dois dos três astronautas dentro da cápsula, mas já no Espaço!
– “Estamos a abandonar o local do lançamento. Preparando a rota para o Espaço. Estou a aumentar o combustível para obter mais velocidade. Fim.”
– “Estamos no Espaço, agora. Ligando as luzes dianteiras. Fim.”
– “Estamos agora em órbita terrestre, reduzindo o combustível. Fim.”

Como esta “conversa” acabou – por lapso técnico – de ser emitida várias horas antes do lançamento, responsáveis governamentais chineses tiveram que vir a público explicar que se tratara de um erro e que a sua gravação fora feita… para efeitos meramente ilustrativos. Pois. Perguntamo-nos se a missão tivesse sido um fiasco, se tivessem morrido todos os astronautas a bordo da cápsula por asfixiamento (como aconteceu com a primeira Soyuz), o que fariam as autoridades chinesas? Emitiam na mesma a gravação e camuflavam o insucesso?

Fonte:

http://www.gather.com/viewArticle.jsp?articleId=281474977460090

Anúncios
Categories: China, SpaceNewsPt | 5 comentários

Navegação de artigos

5 thoughts on “A China falsificou uma conversa entre os seus astronautas

  1. Pegasus

    PÔ, porque os chineses não pedem aos americanos dicas de como forjar audio e videos da era espacial mais fieis.

  2. sim, a tese que se estendeu tanto que forçou a NASA e emitir este desmentido oficial…
    http://science.nasa.gov/headlines/y2001/ast23Feb_2.htm

  3. Esses sinos já estão dando aulas de trambikes…”..tamos” maus…

  4. a china é um dos regimes mais imorais da atualidade. não recuam perante nada para lograrem obter os seus objetivos de curto prazo… esta “anedota” é apenas uma das multiplas instâncias desta imoralidade de Estado.

  5. Cristian

    EUA é que são os mais imorais da atualidade, inside job in 11 de setembro? Provas falsas de armas quimicas e bioogicas no Iraque? exterminio de 1,5 milhões de civis no iraque? podridão generarizado em wall street?

    A chuna é o regime mais descarado e sem vergonha da atualidade. não imoral.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Create a free website or blog at WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade

%d bloggers like this: