Daily Archives: 2008/09/20

Caças F-16… a próxima força aérea iraquiana?


(Caças F-16… a próxima força aérea iraquiana? in http://schema-root.org/military)

Embora o Exército iraquiano tenha vindo a assumir gradualmente o controlo do seu próprio país, relegando as forças dos EUA para um papel cada vez mais secundário, a verdade é que existe ainda uma área de soberania que continua a faltar ao Iraque e que enquanto não for colmatada irá sempre colocar o Iraque numa posição subalterna em relação às forças dos EUA na região e em relação aos seus poderosos vizinhos Saudita e Iraniano: a Força Aérea.

Atualmente, a Força Aérea iraquiana opera uma multiplicidade de pequenos aviões Cessna e C-130E, mas nenhum “avião combatente” (uma lacuna que faz lembrar o estado pré-guerra da força aérea georgiana, o que deu aqueles resultados que todos conhecemos…). Existem planos para comprar 8 EMB-314 Super Tucanos ao Brasil (indiretamente, via USAF) e, mais recentemente, 36 F-16 norte-americanos… A aquisição não chegaria para fazer regressar a força aérea iraquiana ao seu estatuto anterior de uma das mais fortes forças aéreas da região, mas restoraria pelo menos alguma paridade com a força aérea iraniana. Sendo caças-bombardeiros, os F-16s seria usados essencialmente em missões de ataque ao solo, apoiando as forças terrestres iraquianas, mas permitiram obter alguma capacidade de combate aéreo que atualmente não existe.

A mudança para aparelhos de origem norte-americana, em vez dos aviões de origem soviética e francesa que formavam antes o cerna da força aérea iraquiana de Saddam tem óbvias motivações políticas já que a aquisição destes aviões faz parte de um pacote ambicioso de re-equipamento que ascende a 10,7 biliões de dólares e que resulta de um financiamento direto do Departamento de Defesa dos EUA. Além dos 36 F-16s, o Iraque deverá também adquirir tanques M1A1 Abrams por 2,16 biliões de dólares, sendo o negócio dos F-16 estimado em cerca de 3,6 biliões de dólares.

A aquisição destes aparelhos, contudo, não está a ser pacífica… Os curdos da “Aliança do Curdistão” exigem que esta aquisição seja acompanhada por uma declaração do governo garantindo que estes aviões nunca serão usados contra o povo curdo, ao que o governo central – dominado pelos shiitas – respondeu que a aquisição iria servir o Iraque após a retirada das forças da Coligação e que essas exigências eram “inaceitáveis”.

Não é claro que se tratem de aparelhos novos ou usados, ainda que pareça haver indícios de que estamos perante aparelhos novos.

Fontes:
http://news.yahoo.com/s/nm/20080905/ts_nm/lockheedmartin_dc
http://www.juancole.com/2008/09/iraq-f-16-purchase-roils-relations-with.html
http://www.gulfnews.com/region/Iraq/10242964.html
http://www.chinadaily.com.cn/world/2008-09/05/content_7004038.htm
http://en.wikipedia.org/wiki/Iraqi_Air_Force

Anúncios
Categories: DefenseNewsPt, Política Internacional | Etiquetas: , | 11 comentários

A Câmara municipal de Vila Real vai instalar alarmes nas casas de idosos do concelho que residam nos locais mais isolados

A Câmara municipal de Vila Real vai instalar alarmes nas casas de idosos do concelho que residam nos locais mais isolados. Numa fase inicial, mais de cem aparelhos serão instalados e bastara ao idoso pressionar um único botão para chamar imediatamente os serviços de urgência.

A medida ira aumentar a rapidez da resposta dos serviços de urgência e reduzir o sentimento de isolamento por parte de um sector crescente da população do interior português e revela uma vez mais que são as câmaras municipais que pela sua presença e conhecimento factual das necessidades locais melhor estão preparadas para gerir e melhorar a vida das populações locais. E reforçando a nossa defesa de uma descentralização municipalista…

Fonte:
Semanário Sol

Categories: Movimento Internacional Lusófono, Portugal, Sociedade Portuguesa | 2 comentários

Das dificuldades presentes (e permanentes) das companhias aéreas de Low Cost

//s.wsj.net)

(Acidente com o MD-82 da Spanair in http://s.wsj.net)

Tenha sido provocado ou não por problemas de manutenção, a tragédia com o avião da Spainair expôs um problema grave das sociedades atuais: no contexto atual de alta continuada e perene dos preços dos combustíveis podem haver ainda companhias de aviação Low Cost?

As falências da companhia de bandeira italiana, a Alitalia e a da muito menos badalada, da Low Cost britânica Zoom (talvez mais relevante, porque implicou a total interrupção de serviço) são sinais de uma industria de transporte aeronáutico que não tem mais a sustentação económica de anos passados. Vivendo um pouco acima dos limites, sempre com margens de lucro reduzidas, as companhias Low Cost não conseguem agora lidar com preços de combustível que subiram 40 por cento em menos de quatro meses.

Como os preços elevados de combustíveis estão para ficar, as reduzidas margens com que trabalham as companhias Low Cost serão comprimidas ate um tal ponto que deixara de ser possível continuarem a operar. Inevitavelmente, nos primeiros tempos tentarão continuar a funcionar cortando nas despesas com pessoal ou em manutenção, e não me espantaria se a taxa de acidentes aéreos dos próximos anos não viesse a disparar em resultado destas reduções, mas a prazo é todo um paradigma que banalizou as viagens aéreas intercontinentais até certos destinos turísticos de massas que vai terminar. A bem do clima, devido às emissões de CO2 dos aviões, mas a mal do desenvolvimento económico de tantos países do Terceiro Mundo que dependem sobretudo das receitas do sector turístico…

Fonte:
bbc.co.uk/news

Categories: Economia, Sociedade | 5 comentários

Site no WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade