As algas… uma saída dupla para o Aquecimento Global e para a crise dos combustíveis?

A solução para os problemas do Aquecimento Global, da explosão dos preços de petróleo, do aquecimento global e até da crise alimentar pode residir numa única abordagem… A engenharia genética de algas.

Com efeito, algumas espécies de microalgas tem a capacidade de processarem dióxido de carbono, transformando-o em vários tipos de biocombustíveis. Outras, conseguem produzir proteínas e alimentos a custos muito baixos e em grandes quantidades.

Os trabalhos atuais consistem na identificação das espécies mais adequadas a serem alvo de transformação genética de forma a serem construídos bio-reactores em instalações industriais os quais, de facto, seriam tão simples como tubos transparentes (para que se produza a fotosíntese) cheios de algas que seriam colocados nos locais emissores de CO2 recolhendo esse de efeito de estufa e produzindo biocombustível.

Estes bio-reactores eliminariam simultaneamente dois ou mesmo três dos grandes problemas da atualidade: produzindo substitutos para o petróleo, reduzindo as emissões de CO2 e, eventualmente, produzindo até matéria orgânica que depois poderia ser transformada em alimentos.

O campo é tão promissor que se realizam hoje em dia trabalhos em varias instituições de investigação e ate em empresas como a Shell e a Boeing nesta área.

Uma das mais conhecidas entidades que trabalha hoje neste campo é o MIT que construiu um bioreactor que colecta emissores de uma unidade de cogeração idêntica aquelas instaladas em instalações industriais e que recolheu perto de 60 por cento do CO2 e mais de 85 por cento de óxido de nitrogénio. Estas microalgas – que não foram geneticamente modificadas – depois de terminado o seu ciclo de vida, podem ser removidas destes tubos e enterradas no solo, retendo aqui o CO2 que capturaram durante a sua permanência nos bio-reactores. Estas mesmas algas tem o potencial para serem geneticamente modificadas de forma a produzirem um bioóleo ou um protoalimento que pode depois ser adicionado a rações de animais ou servir mesmo de base alimentar para seres humanos.

O MIT estuda também a utilização destas microalgas em grandes lagos de forma a optimizar a produção de biomassa e a extracção de CO2 da atmosfera permitindo ainda a reunião de quantidades suficientes para produzir fertilizantes. Estes biocombustiveis não teriam os efeitos nocivos no meio ambiente e nos preços dos alimentos que têm os biocombustiveis de milho ou cereais, por exemplo, tendo o potencial para produzir mais e melhor bioóleo que qualquer alternativa terrestre, incluindo a muito eficiente cana do açúcar e o ainda mais eficiente óleo de palma cuja cultura é muito comum nos países da Indochina e na Indonésia. Outros investigadores trabalham sobre algas que produzem hidrogénio e procuram formas de aumentar a produção desse gás que muitos vem como o substituto da gasolina nas próximas décadas. De uma forma ou de outra, seja por bioóleo ou seja pela via do hidrogénio, parece claro que o futuro dos combustíveis – para mal dos corruptos Estados do Golfo e dos megamilionários russos que se passeiam em iates de megaluxo – está a residir cada vez nas… Algas.

Fonte:
www.energy-daily.com

Anúncios
Categories: Ciência e Tecnologia, Ecologia, Economia | 2 comentários

Navegação de artigos

2 thoughts on “As algas… uma saída dupla para o Aquecimento Global e para a crise dos combustíveis?

  1. gaitero

    O MAIOR PROBLEMA É QUE COM O AQUECIMENTO DAS ÁGUAS MUITAS ESPÉCIES DE ALGAS IRAM MORRER…….

  2. nope.
    estas algas seriam colocadas em bioreactores, isto é, caixas… logo fora do oceano…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade

%d bloggers like this: