O projecto da RKK Energyia para fundar uma base lunar em 2020 e do… Kliper (ainda)

Kliper
(O projecto Kliper russo… Concebido para poder ir e voltar à Lua in http://newsimg.bbc.co.uk)
Nikolai Sevastyanov, o responsável máximo pela empresa espacial russa RKK Energiya está a considerar o estabelecimento de uma base lunar permanente cuja construção começaria em 2015. Não existe ainda financiamento estatal para tal projecto, e a própria declaração parece ser um apelo mais ou menos (menos) velado por fundos para tão ambicioso projecto… Sevastyanov, invocou a presença na Lua de grandes quantidades de Hélio-3, um isótopo do Hélio com dois protões e um neutão, muito raro na Terra, mas relativamente comum nas camadas superiores do regolito (solo) lunar. O isótopo é uma fonte potencial para geradores de energia a fusão nuclear e se é tão frequente na Lua tal deve-se à acumulação aqui do mesmo por milhões de anos de vento solar, sem a interferência de uma atmosfera ou de erosão, como sucede na Terra.

O projecto da RKK Energyia consiste básicamente em recolher o Hélio-3 do solo lunar e em enviá-lo de volta para a Terra e essa seria a principal missão da base que a empresa quer construir na Lua até 2020. É claro que não é a primeira vez que tais projectos são lançados para a praça pública na Rússia… E todos têm ficado frustados por falta de financiamento do governo russo. As declarações de Nikolai Sevastyanov surjem no contexto da tentativa da empresa de recolher mais financiamentos para o projecto de uma nova nave espacial, o Kliper, o qual parece estar mais ou menos estagnado apesar do seu desenvolvimento e a construção da primeira frota de cinco naves custar menos de 1,5 biliões de dólares (uma fracção do regresso da NASA à Lua, com os seus 104 biliões)… O Kliper foi concebido para ser capaz de realizar vôos circumlunares requerendo para tal apenas da instalação de um módulo adicional de propulsão e, logo, poderia ser o “cavalho de batalha” desta presença permanente na Lua e desta cadeia de transportes… Além do Kliper, a Energyia tem também outro projecto menos conhecido, o Parom (ver AQUI) que deverá substituir os actuais cargueiros Progress que abastecem regularmente a ISS e que brevemente serão acompanhados nessa missão pelo ATV europeu.

Ainda que por detrás destas propostas de Nikolai Sevastyanov estejam muito evidentemente as dificuldades em financiar o desenvolvimento do Kliper, é verdade que o Hélio-3 lunar pode ser usado na Terra em reactores de fusão nuclear como o novo ITER (ver AQUI), com os seus impressionantes 10 biliões de euros de custo de construção, mas que será o primeiro reactor do género a produzir mais energia, do que aquela que consome e que poderá ser… o primeiro de muitos reactores seguros, não-radioactivos e consumindo… água e produzindo… água em lugar dos perigosos materiais radioactivos que ninguém sabe como guardar.

Fonte:
Space.com

Anúncios
Categories: Ciência e Tecnologia, SpaceNewsPt | Etiquetas: , , , | 3 comentários

Navegação de artigos

3 thoughts on “O projecto da RKK Energyia para fundar uma base lunar em 2020 e do… Kliper (ainda)

  1. Thomas

    Últimas realizações dos cientistas russos na Expo – 2008.

    A Rússia irá apresentar as tecnologias ultra-modernas de obtenção da água doce na Exposição Mundial “Expo – 2008”, a ser realizada no verão deste ano na Espanha.
    No stand russo na “Expo – 2008”, em Saragosa, será exibida uma central elétrica atômica flutuante, munida de uma instalação única de desmineralização da água do mar, um dispositivo de extração da água do ar seco do deserto e muitos outros projetos de obtenção da água doce nas condições extremas.
    O “personagem” principal da Exposição Mundial será a água. Os organizadores da exposição põem em relevo que hoje em dia a falta da água tornou-se um verdadeiro flagelo do século 21. De acordo com os dados da ONU, um terço da população do planeta enfrenta o problema de falta de água. A poluição de lagos e rios, a irrigação e a purificação insuficiente de água agravam ainda mais a situação. Por isso, as mais diversas tecnologias, relacionadas à água estarão no centro das atenções da exposição.
    A Rússia tem em vista uma tarefa importantíssima: demonstrar as suas reservas enormes de água doce e a ecologia dos seus sistemas hídricos únicos. Porém o mais importante é demonstrar a possibilidade e o desejo de preservar toda esta riqueza, — diz Vladimir Strachko, vice-presidente da câmara de comércio e industria da Rússia e comissário geral da seção russa na Exposição Mundial “Expo – 2008”.
    Queremos combinar dois temas importantíssimos: primeiro – mostrar como se resolvem os problemas de utilização de recursos hídricos na Rússia. Segundo: compreendemos perfeitamente e queremos mostrar que a Rússia possui em abundância não somente o petróleo e o gás, mas também um outro recurso de importância estratégica – a água. A Rússia possui recursos únicos de água doce. Queremos demonstrar por meio da nossa exposição que estamos abertos ao mundo, estamos prontos para a cooperação. Existe toda uma série de projetos que permitem à Rússia compartilhar as suas reservas de água doce.
    A Rússia preparou toda uma série de surpresas para os visitantes da “Expo – 2008”. No pavilhão russo será possível tomar conhecimento de toda a variedade de recursos hídricos do país, como, por exemplo, o lago Baical, o maior lago de água doce do Velho Mundo, as águas do Oceano Glacial ártico e do mar Negro, na margem do qual está situada a cidade de Sochi – capital das Olimpíadas de 2014. O ponto central da composição será uma fonte magnífica de Petergof – residência suburbana mundialmente famosa dos czares russos. Os visitantes da exposição poderão ver esta cidade de parques, palácios e chafarizes numa tela grande. Além disso, serão exibidas as suas fontes. Uma das estatuas será autentica: os organizadores do stand russo pretendem trazê-la propositadamente à Espanha por ocasião desta exposição.
    Os organizadores da “Expo – 2008” estão convencidos de que o pavilhão russo será um dos mais freqüentados. Ao todo, irão participar da exposição mais de cem países do mundo.
    19.02.2008

    Esses Russos cada vez mais surpreendendo o mundo…e os EUA fazendo propaganda!!!

  2. Os russos são incrivelmente inventivos. O seu programa espacial é aliás prova disso, assim como os engenhosos sistemas de armas que foram inventando e que frequentemente não usando a “tecnologia pesada” dos EUA são mais engenhosos e baratos…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade

%d bloggers like this: