Daily Archives: 2008/01/21

O “Bank of America” dos EUA cobra… 3 dólares por cada levantamento no Multibanco


(http://blogs.guardian.co.uk)

Enquanto que em Portugal a Petição CONTRA as comissões sobre Levantamentos em ATMs (Multibanco) ultrapassa as 148 mil assinaturas, nos EUA, um dos maiores bancos do país aumentou no final de 2007 a taxa que cobrava por cada levantamento em ATMs de 2 dólares, para 3, e isto apenas alguns meses depois de ter lançado esta taxa, em Agosto. Actualmente, o Bank of America cobra a mais alta taxa da indústria e isso quer dizer que os demais concorrentes lhe irão seguir os passos… E uma vez que se trata do banco americano com a maior rede de ATMs dos EUA com mais de 16 mil localizações isso implicará que se em cada ATMs foram realizados, digamos… 30 levantamentos por dia = 30 * 3 = 90 dólares * 16000 = 1 440 000 dólares diários!… O que explica muito da insistência dos bancos deste mundo em implementarem taxas deste género…

O Banco declarou que o aumento iria compensar o Banco pelo “investimento” realizado na actualização e expansão da rede de ATMs.

O USA Today apresenta aqui uma interessante lista do valor destas taxas: todas oscilam entre os 2 e os 2,5 dólares… Um valor muito semelhante aos 1,5 euros que se tem falado como sendo o possivel valor que a banca portuguesa se estaria a preparar para cobrar em cada levantamento… De modo semelhante a estes rumores, também, o banco declarou que a taxa de aplicaria apenas a pessoas que não fossem clientes do Banco como forma de “reduzir o tempo de espera em fila para os seus clientes”, declarou Betty Riess, a sua porta-voz. (espera! não era para “compensar pelo investimento”?!)

Fonte:
USA Today

Anúncios
Categories: Economia, Política Internacional, Portugal | Etiquetas: , | 19 comentários

Quids S10-22: Que veículo é este (e a cor é relevante…)?

11111111111111111asasay.jpg

Dificuldade: 2

Categories: Quids S10 | 5 comentários

O Wikia Search: Finalmente um concorrente para a Google?

Depois da ofensiva da Google contra a Wikipedia ao lançar ainda em Beta a sua própria enciclopédia on-line, a “Knol“, eis que agora a comunidade de Open Source lança também, por sua vez… Um “Google” de software livre… Trata-se de uma coincidência, porque este projecto germina já há bastante tempo, desde à pelo menos um ano e entrou agora – finalmente – em fase final de desenvolvimento e já pode ser utilizado AQUI.

Em termos de resultados das buscas estes não são ainda propriamente brilhantes… A busca pelas palavras:”group policy custom templates”

no Wikia Search devolveu apenas 643 resultados, mas no Google encontrámos 189 mil ocorrências… Uma desvantagem esmagadora, ainda que se possa discutir a relevância da maioria dos resultados do Google e o próprio motor de busca admite essa debilidade na sua página de “About“:

“We are aware that the quality of the search results is low..Wikia’s search engine concept is that of trusted user feedback from a community of users acting together in an open, transparent, public way. Of course, before we start, we have no user feedback data. So the results are pretty bad. But we expect them to improve rapidly in coming weeks, so please bookmark the site and return often.”

A grande vantagem que o Wikia Search apresenta para já e até que este cumpra a promessa que nos próximos meses ir aumentando gradualmente o número de resultados por busca é o facto de nele tudo ser “transparente e aberto” e o algoritmo de ordenação dos resultados ser conhecido. O mesmo tipo de algoritmo que a Google sempre manteve muito ciosamente e que é tão secreto quanto o é o retorno comercial que alguém poderia tirar do seu conhecimento para fazer aparecer os seus resultados no topo das buscas (Page Rank). Por “transparência” a Wikia Search quer dizer sobretudo que cada utilizador poderá classificar entre uma a cinco estrelas cada resultado, por exemplo:

… to the Internet through ISA Server 2006 or through ISA Server 2004 • How to … Resources • Protecting Branch Offices with ISA

Em segundo lugar, a compra do motor de busca Grub pela Wikia Search (ver AQUI), um projecto de código aberto cumpre a segunda parte dessa promessa… É certo que esta exposição poderá dar a alguns hackers e a individuos e organizações poder para manipular os resultados das buscas (algo que vale muitos milhões de euros, e logo, onde a recompensa da batota é muito elevada), mas conhecendo os algoritmos também faz desvanecer que os resultados das buscas são manipulados e se todos podem conhecer como eles são produzidos, todos podem contribuir para o seu aperfeiçoamento e todos podem conhecer as regras do jogo, algo que não acontece nos motores de busca convencionais… De uma forma ou de outra, logo que os resultados começarem a ser mais significativos do que são actualmente, estes dois conceitos podem revelar-se decisivos para começar a inverter a pouco saudável tendência para o monopólio da Google… Algo que não é benéfico nem para a Internet, nem para os cibernautas, nem sequer para a própria Google, que só teria a ganhar da aparição de um verdadeiro concorrente de peso, capaz de a enfrentar no seu próprio terreno e livre dos “pesos” que outros carregam… como a Microsoft e o seu eternamente frustado plano de desafia a Google com o Live Search… O qual, a propósito perante a busca “group policy custom templates” devolveu um milhão e setecentos mil resultados… Ou seja, bem mais do que a própria Google…
Note-se por fim que não existem laços directos entre a Wikipedia e a Wikia Search.

Fonte:

Ars Technica

Categories: Informática | 2 comentários

Site no WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade