Daily Archives: 2007/10/03

Sobre a multiplicação de acidentes com geradores de Energia Eólica na Alemanha


(http://www.lpsind.com)

Agora que a Energia Eólica parece ter-se tornado numa das maiores apostas de Portugal para vencer esta nossa crónica dependência energética, talvez seja oportuno chamar a atenção para um artigo da Business Week onde se descreve um acidente ocorrido em Novembro de 2006 na região de Oldenburg no norte da Alemanha quando uma súbita rajada de vento fez saltar o rotor e enviou para a atmosfera uma hélice rodopiante com mais de 10 metros de comprimento e aterrou no solo a quase 200 metros de distância.

Em resposta, as autoridades locais decidiram fazer uma auditoria a todas as seis turbinas do mesmo modelo e concluiram que quatro das seis turbinas deviam ser desligadas imediatamente já que tinha sido encontrado um problema de concepção nas turbinas, as quais estão em uso em muitas outras instalações semelhantes um pouco por toda a Alemanha…

Estas notícias não são isoladas… Outro acidente idêntico aconteceu recentemente também na Alemanha, e estima-se que tenha havido já centenas de acidentes semelhantes, num número crescente, que acompanha naturalmente o aumento do número de instalações, mas que também tem a ver com uma sensível perda de qualidade nas turbinas fabricadas nos últimos anos, criada talvez pelo aumento de procura e na incapacidade e insuficiência das fábricas de responderem a este aumento… Fracturas nas torres ou nas hélices… Curto-circuitos e sobreaquecimentos são cada vez mais comuns, apesar das garantias dos fabricantes para 20 anos de operação sem avarias…

Estas dificuldades registadas na Alemanha estão certamente ligadas à expansão desta indústria, a qual em 2006, teve um crescimento de 40% e que emprega agora mais de 74 mil trabalhadores que construiram e mantêm quase 20 mil gerados pelos campos e praias alemãs… Mas este crescimento está a provar-se ser demasiado rápido, já que os construtores não estão a testar devidamente os seus modelos e o aumento explosivo da taxa de avarias está a afectar a credibilidade de toda a indústria.

O que se estará a passar com as turbinas que estão a ser instaladas em números crescentes no nosso país?…

Fonte: Business Week

Anúncios
Categories: Ecologia, Economia, Portugal | 10 comentários

QuidSZ S3-9: QUe objecto é este? (aquele que tem a forma fálica…)

ale.jpg

Dificuldade: 5

Categories: QuidSZ S3 | 8 comentários

O ABL (“Airborne Laser Program”) prossegue o seu desenvolvimento…


(O Boeing 747 de testes do Airborne Laser Program)

O projecto de conceber um laser transportado num avião 747 concluiu recentemente um conjunto de testes de disparo sobre alvos simulados e os seus parceiros (Boeing, Lockheed Martin e Northrop Grumman) celebraram os testes de fogo contra um alvo rebocado que são o último passo do programa “Airborne Laser Program” até ao disparo real contra um míssil em vôo que deverá ser efectuado em Agosto de 2009.

O laser químico do ABL tem pelo menos um Megawatt de potência e foi concebido para abater mísseis balísticos lançados de países como a Coreia do Norte, o Irão ou a Síria e o seu alvo não é a ogiva – um alvo menor – mas o tanque de combustível do míssil, um alvo consideravelmente maior e sob pressão do combustível interno, o que facilitará a sua explosão, se aquecido pelo Laser.

O ABL é um componente do projecto americano de Defesa Anti-míssil, mas foi recentemente afectado pelo corte orçamental imposto pelo Congresso de 250 milhões de USDs, o que retardou os testes em pelo menos dois anos. De facto, o custo é o grande opositor do ABL… Cada 747 modificado deverá custar mais de 1,5 biliões de dólares, e os 7 aparelhos que se prevêm virem a ser construídos serão um autêntico pesadelo orçamental, mesmo para o imenso orçamento de defesa americano…

Se o projecto ABL não vingar, isto é, se o Congresso não aprovar a continuação do projecto por causa dos seus custos astronómicos, o laser desenvolvido poderá ser instalado numa estação terrestre fixa, nas imediações de uma grande cidade ou de um silo de lançamento de mísseis e ser um componente do abandonado projecto ABM dos EUA. Neste caso, contudo, a eficiência do sistema será menor, assim como o seu alcance, já que a maior camada atmosférica que o laser terá que atravessar vai reduzir o alcance e a potência do laser.

Fonte: Military.com

Categories: DefenseNewsPt | Deixe um comentário

Generalidades sobre a escrita cónia

Existem ainda outros pontos relevantes à tarefa a que nos propomos e que são consensuais em relação às inscrições cónias:

a) As inscrições são marginais, com grafia pouco definida e seguindo linhas pouco rígidas.

b) Lê-se da direita para a esquerda.

c) sinestorso e algum bustrofedon.

d) A espiral é quase uma forma obrigatória das inscrições.

e) Ausência da separação de palavras no texto.

f) Como é impossível introduzir todas as palavras de todas as línguas-hipótese. Pôr só as palavras relevantes com o conceito de enterramento e fazer um programa de busca, indo buscá-las, por exemplo, à epigrafia romana de José d´Encarnação.

Categories: A Escrita Cónia | Deixe um comentário

Create a free website or blog at WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade