A entrevista de Carlos Slim, o homem mais rico do mundo ao El Pais, e sobre Oligopólios, Monopólios e Cartéis…


(http://www.smh.com.au)

Na revista do jornal espanhol El Pais de 15 de Julho surge uma interessante entrevista aquele que é para alguns o homem mais rico do planeta, ultrapassando mesmo o famigerado Bill Gates: o mexicano Carlos Slim, dono da empresa de comunicações Telnex e de uma densa rede de outras empresas sediadas no México e activas em vários locais do mundo, mas especialmente no mundo de língua castelhana.

Muito criticado pelos seus ímpetos monopolistas e pela posição de dominação quase absoluta que detém em muitos sectores económicos mexicanos o “engenheiro” (como gosta de ser tratado) controla mais de 90% da rede telefónica fixa, 80% do mercado do cimento (via Cemex), 95% do mercado televisivo (Televisa e TV Azteca) mexicanos. As suas empresas e o controlo dos Media asseguram-lhe uma posição de certo modo idêntica à de Berlusconi, com a diferença de que ainda não exprimiu vontade de ingressar na política… Slim responde na entrevista a estas acusações de oligopolia afirmando que estes não são negativos se realizarem investimentos, mantiverem bons preços e existirem alternativas, adiantando ainda que se num dado mercado de um dado país existirem oito ou duas empresas competindo entre si, isso não significa que no segundo caso o preço dos serviços seja mais alto… Mas quem garante que as empresas de Slim, ou outras, vão para de se fundir e de se adquirir umas às outras, quando só houver duas empresas no mercado? A tendência que criar um monopólio, como o consequente decaimento da qualidade de serviço, criatividade e aumento de preços não é inegável quando observamos o tipo de estratégia seguida hoje no mundo pelas grandes empresas (não há dia em que não se noticie a fusão, aquisição ou OPA de uma grande empresa sobre outra grande empresa). A este ritmo, quantas grandes empresas multinacionais haverá no mundo daqui a dez anos?… Uma?… E não é mais fácil cartelizar ou concertar preços na presença de duas empresas do que na de oito? É certo que os Estados têm leis e mecanismos para combater a formação destes cartéis, oligopólios (é Slim que usa este termo) e monopólios, mas poderão eles resistir num mundo em que as grandes empresas começam a poder reunir mais recursos, advogados e que… financiam campanhas partidiárias em larga escala?

E por outro lado… O facto de Carlos Slim viver no México, um dos países da América Latina com piores índices de desenvolvimento humano e onde mais de metade da população vive abaixo do limiar da pobreza, apesar da deslocalização de muitas empresas americanas para aqui e da imposição da cartilha neoliberal de mercado não indica que a aplicação da dita é efectivamente capaz de produzir multimilionários e aumento do PIB (Slim responde por quase 7% do PIB mexicano) mas que… é incapaz de produzir um melhoramento consistente, sistemático e generalizado da qualidade de vida das populações?

Fonte: Revista EP[S]; El Pais; 15 de Julho de 2007

Categories: Economia, Política Internacional, Sociedade, Websites | 11 comentários

Navegação de artigos

11 thoughts on “A entrevista de Carlos Slim, o homem mais rico do mundo ao El Pais, e sobre Oligopólios, Monopólios e Cartéis…

  1. Mas alguém enriquece sem enganar o próximo?

  2. Não sei… Teoricamente enriquecer e manter um comportamento ético perante a Vida e os Outros é possível… Não sei é se é possível enriquecer tanto como Slim e manter a vida dentro desses limites… É tudo uma questão de escala…

  3. Golani

    Mas alguém enriquece sem enganar o próximo?

    este é um dos comentários mais absurdo que já li

  4. Eu sei o que isto significa para um homem cujo único interesse é se manter no topo, custa o que custar. Porque ele não vive neste mundo e criou uma redoma em volta de si. Chegando ao ponto em que a única vida que te endereça a sua própria. Mal que compartilha a maioria dos ricos do mundo… (por este motivo a violência e a pobreza crescem de forma absurda no mundo)

  5. Golani

    (por este motivo a violência e a pobreza crescem de forma absurda no mundo)

    em que dados e fontes se baseia para afirmar isto ?

  6. Philip Moab

    Moro em uma cidade do interiro de pernambuco no brasil e meu sonho e fazer parte da equipe da Embratel de carlos sim mais ja tentei de tudo e nao consigo o que posso fazer sou analista de sistemas cursando

  7. todo homem que triunfa sobre as dificuldades leva no rosto os sinais de vitoria é o caso do homem mais rico do mundo senhor carlos slim,porque criticarmos ele se acreditou e lutou para transformar as desvantagens dele iniciais em fortuna e fama.

  8. bill gates

    a base do sucesso e deus

  9. gui.

    mais ele enveste em alguma coisa para u bem do mendo!?

  10. gui.

    oq ele pretende fazer com todo seu dinhero até sua morte?!

  11. ricardo nascimento

    Por que não ajuda os mais necessitados

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Create a free website or blog at WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

PEDAÇOS DE SABER

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

<span>%d</span> bloggers like this: