Portugal: Aquele que “uniria Cristo e Lao-Tseu”

Um dos destinos de Portugal – mais enquanto ideia do que enquanto País ou Estado organizado – seria o de reunir Oriente e Ocidente, como escreveria Agostinho Portugal seria aquele que “uniria Cristo e Lao-Tseu”. Este novo momento de multiculturalidade e de tolerância sucederia a um sistema dominado pelo espírito germânico do “Lucro”, do “Trabalho” e da “Eficiência mecânica”. Para o pensador luso-brasileiro, a cultura que melhor estaria posicionada para ultrapassar este ciclo materialista da civilização humana, seria a cultura mediterrânica, e nesta, a portuguesa pelas suas especificidades próprias, nomeadamente pela inexistência de um fundo racista ou intolerante, conceitos importados do Norte e estranhos às raízes profundas e essenciais da Portugalidade. Seria a cultura lusófona, extensão da cultura portuguesa, assim como os helenismos eram a extensão da cultura grega, que seria o farol de um novo movimento para a refocagem nas economias e comunidades locais, capaz de ultrapassar as diversas fragmentações sociais, económicas e religiosas que tantas mortes e infelicidade têm provocado e que devolvesse ao Homem o estado de harmonia com o meio natural. Assim se cumpriria o Paracleto e a comunhão do Homem com a Totalidade e o Universo, vencendo enfim a dúbia e ilusória Sujeito-Objecto que está nos alicerces da forma germânica de ver o Mundo.

Anúncios
Categories: Movimento Internacional Lusófono | 9 comentários

Navegação de artigos

9 thoughts on “Portugal: Aquele que “uniria Cristo e Lao-Tseu”

  1. Golani

    ehehe….já agora o Nostradamus não “preveu” que os “lusitanos” é que iriam salvar o mundo ?

  2. Nostradamus usou um estilo tão vago que praticamente tudo pode ser encontrado e provados através das suas Centúrias… De memória lembro-me que:
    1. Previa que Portugal haveria de acorrer numa guerra com muçulmanos nos Balcãs. E isto de facto aconteceu…
    2. Previa um ataque muçulmano a uma grande esquadra estacionada em Lisboa o que nao aconteceu)
    3. Previa que haveria na Lusitânia um “grande líder” (ainda está para ser ver…)
    e não me lembro de mais…
    mas todas as profecias parecem estar em volta de duas grandes guerras, bem actuais… Uma contra o Islão, federado e invadindo a Europa, e outra, posterior, em que a China invade por sua vez o islão e a Europa… Hehehe.

  3. Golani

    a invasão do Islão não estará já a acontecer via emigração, e elevadas tx de natalidade que apontam para que a comunidade muçulmana venha a constituir uma parte significativa da sociedade da maioria dos países europeus num futuro próximo ?

  4. Sim. especialmente no RU e em França. Se calhar era esse o conteúdo das visões de Nostradamus, não sei… Mas de facto, nalguns aspectos são assustadoramente correctas, por exemplo, nas previsões da ascensão do nazismo…

  5. Anónimo

    “… a portuguesa pelas suas especificidades próprias, nomeadamente pela inexistência de um fundo racista ou intolerante”????? Infelizmente Portugal foi um dos países mais racistas que conheci. E amparado por lei! A legislaçãopermite que as casas nocturnas cobrem o que quiserem como entrada, até um limite préestabelecido, de acordo com a cara do cliente, se aparentar não ter recursos cobram o limite máximo para impedir sua entrada. É um absurdo!!!!!

  6. Primeira carta aos filhos da luz

    No silencio da noite um trovão romperá ao sul,
    Durante três dias e três noites a escuridão tomara a terra
    Lagrimas e espantos tomarão forma de revolta
    Ate que o dia da vitória seja entregue ao povo,
    mas não por muito tempo.

    Por detrás de uma luz forjada
    Vira aquele que tem a chama da guerra
    Muitos o seguirão com vendas nos olhos
    Escutando apenas a sua voz, que tem por nome Primeiro.

    Na serra alta ao sul outro homem terá um destino
    O dissipar a voz que se estende por toda a terra,
    Ninguém Dará ouvido a ele
    Por isso uma grande guerra começará
    ate que ele seja morto pelo Primeiro.

    Luzes e sons entrarão nas cidades das capitais de todo mundo
    O globo em pano verde fará um ultimo discurso
    Mas o tricolor impede que a sua voz seja posto a luz do dia,
    Mulheres e crianças cantarão pela ultima vez um cântico de tristeza.

    Em campo aberto sobre uma praça enorme
    O Primeiro e grande senhor denominado por nome de Mabus
    Fará uma ultima petição que será estabelecida
    Para fins próprios ate que dez reis se unam a ele.

    Do norte e do oriente não se escutará o som dos pássaros
    A terra ficará em silencio por mais de meia hora
    Um menino triste tomará a forma de homem, ele nascerá no sul…
    Verde e amarelo.
    Ele será chamado de grande pai.

    Metal e titânio tomarão a forma de armas estranhas
    E o Primeiro, já velho, declarará guerra ao pai.
    Três se uniram ao ultimo: o grande urso, águia e o dragão vermelho.
    Virá do oriente apenas porque o Primeiro destruiu seu grande porto marítimo.

    Na Lusitânia o galo cantará,
    mas a bandeira de guerra será transformada em vermelho.
    África se unirá a estes sem que as águas se transformem em absinto,
    De forma que muitos morrerão e se unirão a Lusitânia.

    Durante cerca de sete longos anos
    Pó e sangue tomarão as cidades ao sul
    Nem uma criança se salvara
    O Primeiro fará um decreto para lhes calar.
    O seu fim será a nove de maio.

    Leugim Israeli – 2007

  7. Sexta carta aos filhos da luz

    A 14 de março de 2012 será dado um sinal
    Por aquele que veio em junho de 1999
    E ninguém o viu.

    As suas vestes são de diplomata e o seu rosto é mais sereno
    Do que qualquer santo, [ R . M ]
    Ele inflamará as nações com seus muitos descorçôo
    E muitos seguiram as suas idéias.

    No ano de 2014 tomarão o poder e declarando guerra
    Aos escolhidos os perseguirão por um ano e meio,
    Após esse período vindo das bandas do sul um Menino triste
    Ganhará coragem e formará uma aliança
    De forma que será o único a fazer frente ao Primeiro.

    O General por nome de Primeiro com uma espada de fogo
    Fará verter muito sangue ao ponto que serão poucos
    Os que escaparão.

    Das bandas do norte e do oriente se formara um só exercito
    Que se juntara ao Primeiro,
    Mas o Menino terá como aliança África e a Lusitânia,
    Mesmo sendo poucos serão chamados de os invencíveis.

    De olhos azuis o menino nunca revelará o seu nome,
    Nascido de uma família pobre no Sul da América
    Ele conduzirá os filhos da luz a vitória,
    Juntamente com outros dois: o Africano e Lusitano.

    Destes três só ficará um para contar a historia…
    O africano, os de mais cairão em combate no ultimo dia…
    Sem que antes o menino mate o Primeiro.

    Leugim Israeli – 2007

  8. onde posso comprar livors de nostradamus em portugal

  9. Não creio que haja alguma edção recente… Só batendo o circuito dos alfarrabistas, suponho.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Create a free website or blog at WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade

%d bloggers like this: