Da situação de liderança militar do Brasil na América do Sul e das suas ameaças

Depois de quase dez anos em que a política de Defesa do Brasil primou pela dormência, surgem agora vozes que receiam pela perda de influência do maior país da América do Sul na região mercê do enfraquecimento crescente das suas forças armadas e do fortalecimento crescente e evidente das dos países seus vizinhos…

Actualmente, os planos de reequipamento militar de países como a Venezuela, a Colômbia e o Chile tornam estas nações como adversários mais bem equipados que as forças armadas brasileiras, no ar e no mar. Se perder a liderança militar na região, o Brasil arrisca-se a perder capacidade de obter o lugar permanente no Conselho de Segurança da ONU que ambiciona e que já devia ser seu por direito económico e demográfico, como adverte o professor Expedito Bastos da Universidade Federal de Juiz de Fora.

O ambicioso programa de modernização da FAV venezuelana é bem conhecido… Assim como os seus novos 24 Sukhoi Su-30 e a modernização dos F-5 pelo Irão, para além da compra de submarinos russos Amur que por aqui já noticiámos… E a Venezuela mantêm o conflito com a Guiana que por aqui abordámos, mesmo ao lado da Amazónia brasileira…

Mais a Sul, e desta feita, sem ter fronteiras comuns com o Brasil (uma raridade neste continente sul-americano…) o Chile tem mantido um discreto mas igualmente ambicioso programa de rearmamento que inclui novos caças americanos F-16C/D, 3 fragatas Tipo 23 britânicas e 118 blindados Leopard II alemães… E agora, até a Colômbia se junta a esta campanha de rearmento injectando mais de 3,7 biliões de dólares em novos helicópteros e aviões de combate num plano de quatro anos para reforçar as forças que combatem os rebeldes, mas tornando-se também numa das mais importantes forças armadas da região…

Perante isto tudo, e sobretudo perante a atitude cada vez mais autista e financiada de Hugo Chavez, o Brasil deveria assumir a sua posição de líder regional e procurar pelo menos acompanhar estes desenvolvimentos com programas de reequipamento que lhe permitam manter a sua posição no seio da nações sul-americanas ou pelo menos manter a paridade. Sem que seja cumprida esta condição, as justas reinvidicações brasileiras por um assento permanente no CS estarão comprometidas e a nova atitude mais interventiva na cena internacional que o Brasil exprimiu ao liderar a força da ONU no Haiti estará condenada à evaporação…

Fontes:

DefesaNet

Alert.Net

Categories: DefenseNewsPt, O Código da Vinci, Política Internacional, Sociedade | 35 comentários

Navegação de artigos

35 thoughts on “Da situação de liderança militar do Brasil na América do Sul e das suas ameaças

  1. Ultramar

    O gasto da Colômbia não é muito grande e não deve passar disso, pois esse país não tem de onde tirar muito mais do que esses 3 ou 4 bilhões. Até a Argentina deve gastar mais do que isso, em breve.
    Já o Chile e a Venezuela são um caso diferente: no Chile, uma percentagem do que ganham com o cobre deve, por lei, ser investido em equipamentos militares. Com o cobre valorizado e com suas vendas do metal aumentando… E, na Venezuela, Hugo Chaves também conta com o aumento do preço do petróleo, para comprar mais armas.

    Realmente, o Chile e a Venezuela podem chegar a uma situação de superioridade militar, em relação ao Brasil, mas somente se o Brasil não investir mais do que investe até agora em armamentos, o que é pouco, em relação ao seu PIB. Porém, é lógico que isso vai prejudicar os investimentos sociais… Mas Lula será obrigado a fazer essa escolha.

  2. A Argentina não estava em pré-bancarrota? Sei que os russos estão em contactos com o vosso vizinho do sul, apresentando-lhe os seus produtos, pelo que parece mesmo que terão orçamento para alguma renovação…

    Lula está sendo obrigado a fazer essa escolha agora mesmo, com o armamento crescente da Venezuela, a extensa e florestal fronteira comum e com a obsolescência crescente de muitos equipamentos da FA brasileiras… É uma questão de Estado que tem que ser compatibilizada com as questões sociais, as quais, são, provavelmente, a maior batalha que o Brasil tem que vencer para se assumir como verdadeira potencia BRIC no mundo… Sim, porque a verdadeira força de uma grande nação não está nas suas classes ricas, nem nos seus empresários, está na existência de uma extensa e forte classe média de produtores e consumidores capazes de sustentar pelo consumo interno uma Economia autónoma, independente e próspera… E disso temos ainda muito pouco no Brasil, país de grandes assimetrias económicas e sociais… Concordas, Ultramar?

  3. Ultramar

    Sim, concordo, Rui.

    E quanto à Argentina, está agora a crescer muito mais do que o Brasil, há uns três anos, eu acho. É que argentino “chora” muito… Diziam estar nas últimas e… veja só! Como eu disse, eles têm, sim, condições de gastar mais do que a Colômbia. Ainda vais ver…

  4. Carlos

    Ultramar, o crescimento atual acelerado da Argentina não é um crescimento “real”, estão a recuperar o terreno (PIB) perdido com a crise do câmbio e a moratória do início da década, e de fato ainda não chegaram nos mesmos níveis de riqueza de antes.

  5. Carlos: e com a imensa asneira que foi a dolarização da sua economia… de início, houve um falsa e artificial aumento do nível de vida, mas como este não sustentado e como as suas exportações perderam competividade, não demorou muito até pagarem a factura…

  6. Ultramar

    Carlos:

    Isso é o que alguns dizem no Brasil, já há algum tempo! Será que no(s) próximo(s) ano(s) de bom crescimento da Argentina vão continuar a dizer isso??? Bem, aqueles que apostam nessa teoria devem estar rezando para que os platinos parem de crescer tanto, para que possam confirmar sua tese! 🙂 Mas… será que isso vai acontecer mesmo?

    Eu, como brasileiro, até espero que isso aconteça, pois sei como eles são, sei o quanto muitos deles nos invejam , nos vêem como rivais e até como inimigos! Sei que, na primeira oportunidade, muitos deles nos ridicularizam, nos ofendem, tornam-se arrogantes(mais ainda!), cheios de soberba. Por isso é melhor que fiquem mesmo um pouco para trás em desenvolvimento, em crescimento… Mas, será?

  7. fjmiller

    Como filho de português, sempre adorei o mar…o Brasil com seus mais de 8.000 quilometros de litoral, multiplicados por 2oo milhas de mar territorrial, formam o que chamamos por aqui de Amazonia Azul. O comando da nossa marinha esta adquirindo meios, financiamentos internacionais, para a aquisição de mais e modernos equipamentos, principalmente na parte de submarinos. Nosso presidente está sofrendo pressão, tanto dos militares, bem como de uma parte de nossa sociedade, a respeito do que se passa com chaves na venezuela bem como seu marionete-mor evo morales, pseudo presidente boliviano. Vamos aguardar os acontecimentos…

  8. fjmiller

    Quanto aos LOS HERMANOS, lembremos das malvinas…

  9. vic

    será mau o que CHAVEZ faz na Venezuela? Abraço.

  10. Cesar Navarro

    O governo Lula sofreu pressão direta dos USA para a não aquisição dos 24 caças Sukhoy 35 da Rússia, que ganharam a concorrência do Programa FX. Os USA não aceitam bem a idéia de um país do porte do Brasil, bem armado. Fizeram de tudo para desativarem nosso programa militar nuclear na década de 80, quando já possuiamos sabidamente 5 ogivas de fissão, de 32 e 38 Kilotons, para testes subterrâneos na Base da Serra do Cachimbo/PA, das quais 2 foram oficialmente desmontadas, sendo que as restantes ainda são motivo de interpelações veladas e ainda constantes, dos orgãos internacionais de contrôle e da Argentina. Apesar do Brasil haver declarado tê-las desativado fora da fiscalização oficial. O Projeto Solimões foi profícuo, e nos meios militares é voz corrente que continua em niveis ultra secretos.

  11. ae o exercito brasileiro eh o mais fraco ta com medo da venezuela e da bolivia

  12. Golani

    U.S. plans Black Hawk helicopter sale to Brazil

    WASHINGTON, June 29 (Reuters) – The Bush administration told Congress on Friday it tentatively plans to sell United Technologies Corp. (UTC.N: Quote, Profile, Research) Black Hawk helicopters and related gear worth up to $300 million to Brazil. Brazil has requested as many as six UH-60L Black Hawks, built by UTX’s Sikorsky Aircraft unit, with 12 General Electric Co. (GE.N: Quote, Profile, Research) engines, the Pentagon’s Defense Security Cooperation Agency said.

    The proposed sale would boost the security of “a friendly country that has been, and continues to be, an important force for political stability and economic progress in South America,” the security agency said.

    Brazil needs the helicopters for search and rescue, as well as “self-defense within the region,” it said, adding they would provide close air support for ground forces.

    The notice of a potential sale is required by U.S. law and does not mean a sale has been concluded. In addition, Congress has the power to block such a deal, but rarely does.

    The total value of the deal could be as high as $300 million if all options are exercised, the security agency said.

  13. fj miller

    CARO VIC, SO O TEMPO DIRA´. abraço…

  14. zerdax

    Agradecemos a continuação da degradação social e militar do Brasil a tão conceituada imprensa multifacetada que não respeita o que o País faz por ela e muito menos o papel social verdadeiro que deveria ter perante o nosso povo. A única preocupação ética que tem é de manipular informações para ganhar ibope como o desastre de congonhas.

  15. zerdax

    Mil vezes, prefiro eu, ver o dinheiro que se esvai nas mãos dos políticos corruptos brasileiros ser utilizados pelos militares, isto, pelo fato das forças armadas brasileiras, se preciso, defender nossa nação. O nosso congresso com seus políticos infieis se importa mais consigo mesmo do que com a nação que o paga. E, quando acha que ta recebendo pouco se aumenta. Vejo o congresso a cada dia que passa dando mais e mais prejuizo a nação e benefício que é bom só se tiver propina e até pra votar nos projetos sociais e de segurança, também, tem que correr dinheiro nas contas secretas. Eu te pergunto qual o tipo de vantagem que isto traz ao País. Dos Presidentes da República mais rececente, o único que eu vi se preocupar com o País foi o analfabeto e não os doutores como o Fernando Henrique Escabroso.

    Aceito comentários

  16. Arlindo Francisco dos Reis

    Emquanto alguns imbecís gritam com a boca arreganhada que o governo no lugar de gastar com armamentos, deveria mandar o dinheiro para a saúde, educação e por aí afora, os EUA para manter países sobre o seu maléfico domínio, investe cada vez mais em armamentos, escravizando sobre ameassa militar os não obedientes. É teoricamente impossível o Brasil avançar economicamente sem investimentos sérios em armamentos e tecnologia. É a única forma de forçar respeito externo de modo a caminhar segundo os seus anceios sem se amedrontar com ameaças desse ou daquele. Quem ousa ameassar a Rússia exigindo de ela tome caminhos diferentes do que de fato almeja? Quem ousa fazer o mesmo com a China? E com a Índia,algum louco se protifica? Se a Coréia do Norte não tivesse armada até os dentes já teria sido invadida. O mesmo posso afirmar em relação ao Irã. Quanto mais se abaixa, mais a bunda se arreganha. O Brasil deve sim investir militarmente, não só o Brasil, mas todos os paises da América do Sul, de modo que o nosso continente, o sulamericano possa se impor politicamente de modo a se tornar um continente rico forte e unido.

  17. As despesas com a Defesa devem ser razoáveis (entre os 1 a 5% do PIB), privilegiar a obtenção de know-how e produção nacional, mas sem desperdiçar parcerias em projectos mais complexos, como os de um MBT (o que aconteceu ao Osório?), ou de um caça (F-X…) ou de um novo navio de linha.
    Mas racionais e terrenos. Por exemplo, a opção que agora parece ressuscitada no submarino nuclear brasileiro, parece muito francamente um desperdício de recursos escassos! Seria mais racional construir um pequeno porta-aviões ou novas fragatas em vez de torrar um bilião de rs num projecto para construir UM submarino… É um erro. Como o de manter a arma submarina, aqui em Portugal, quando daqui a 10 anos quase não teremos armada de superfície…

  18. Golani

    ó Arlindo Francisco dos Reis explique-me lá onde é que os gringos faltaram ao respeito aos brasileiros e em que medida os ameaça de escravidão ?

    e em que medida são os gringos responsáveis pelos problemas internos que assolam o Brasil: corrupção, pobreza, fosso entre ricos e pobres, insegurança, crime violento ?

  19. josione

    É pessoal o problema é que nós brasileiros assim que nos tornamos financeiramente mais estáveis optamos por comprar produtos importados… …deixando os nossos nacionais, o que faz com que os recursos saiam do sistema finaceiro do pais, e por conseqüência as indústrias nacionais não viabilizam as melhorias que seus produtos carecem, vindo a falências concordão? assim como o pais vai se desnvolver e torn-se independente? sem crescimento econômico será possivel viabilzar o crescimento das FA???

  20. alexandre francisco

    não acredito que Chávez,ou qualquer lider da américa látina venha impor ao Brasil medo suficiente para que a posição de lideraça deste seja ameaçada.O investimente militar atual da Venezuela,Chile e Colômbia podem até parecer substanciais,todavia são infimos se comparado com a capacidade brasileira,caso seja necessárrio um esforço de guerra,além de que,não se ganha uma batalha para um país tão grande como o nosso com o a compra de alguns jatos.
    Lógico que o governo deve agir reequipando as forças armadas e investindo em pesquisa para que no futuro próximo voltemos a ter a capacidade de produzir armamentos de ponta,como na década de 80,quando eramos um dos maiores exportadores de armas do mundo.

    uma pena que tenhamos que voltar a investir em armas,afinal existem tantas prioridades nesse país.Bom seria que todos pensassem com o Brasil e a argentina que buscam o convívio pacífico e integração cada vez maior de suas forças armadas.

  21. alexandre francisco

    uma coisa me deixa feliz:o grande grau de maturidade alcançado por nossos generais,que hoje são defensores não só do soberania nacional, como também da democracia e do estado de direito.acredito que essa discussão chegou na hora certa e trará bons frutos para nação.

  22. Tarcisio William Duarte

    É altamente preoculpante o péssimo estado das FA brasileiras, o grande problema que após a retomada da “democracia”, o segmento de defesa militar foi abandonado.
    hoje 12 Mirages2000c-b, aviões com limitações tecnologicas são os guardiões do espaço aerio brasileiro, acompanhados por aproximadamente 50 F-5 e 50 AMX, além de 23 A-4 da marinha, todos com sérias restrições operacionais.
    As modernizações realizadas nos F-5 e AMX, ainda deixaram com algumas limitações, como por exemplo radares com maior alcançe. Já nos aviões do GDA diversos problemas, principalmente a ausência de misseis “BVR” mais eficientes que o arcaico SMatra 530 presente nos M-2000C.
    A marinha e o exercito passam pelo os mesmos problemas e ainda o governo não apoia iniciativas para romper com este quadro de abandono.
    Chaves esta adorando este descaso brasileiro

  23. quadrosmktpublicidade

    Nossa fab está armando serto estamos um pouco destualizado mas
    modenizaçao 57 f5BR eos 12 Mirrage e 53 AMX 99ALX e TUCANO A27 velhinhos 60 xavates mas muito eficiaente nosso 23f1 a marinha e força
    muito eficiente do que 24 sukui nao devemos te medo DRoga Venezuela
    devemos se arma devemos compra mais mirrage 2000 ou ate fabricalos sobre liceça pela embrae por que russia não e tão confiavel em 20015 o marinha deverá compra novo porta aviões sera estados unido ão sera nuclear mais convecional esta reseva marinha amerivcana e tb f15 em conjuto exercito com reaquipamento com uruto lll sera produzido pela fiat iveco uma boa quantidade e subimarino nuclear brasileiro sera em destrutivo na america do sul agora como acaba ameça da Venezuela vamos invadir derruba Hugo Chaves maricaçao ou faremos melho daremos 5 milhoe de doleres p mata hugo Chaves acaba essa comunista macaco vamos vota p tira esse macaco hugo chaves

  24. maria rita matos

    lula por favor faz do brasil uma potencia militar para que nois sejamos tratado co m mais respeto chega de humilhacao

  25. Carlos Morgado

    Sr. Lula.

    È uma verdadeira vergonha.As nossas Forças Armadas não tem condições sequer de defender o nosso território.Temos que IMEDIATAMENTE iniciar um programa de modernizar as Forças Armadas antes que seja tarde demais.É VERGONHOSO e Venezuela e Chile terem maior capacidade militar que o Brasil.Temos que recuperar a liderança no Gloco sul IMEDIATAMENTE. Sr. Lula o senhor é responsável pela segurança do Brasil.

    Um Brasileiro preocupado.

    Carlos Morgado

  26. Carlos Morgado

    Correção Bloco Sul

  27. Carlos Morgado

    Senhor Presidente do Brasil.

    Será que o senhor não esta percebendo que a situação das Forças Armadas Brasileiras é uma VERGONHA. Não temos condições de defender as nossas fronteiras.A Marinha Brasileira não tem condiçoes de defender as costas Brasileiras.O Exército com equipamentos obsoletos,enferrujados e sem capacidade de defesa.O senhor é responsável pela nossa segurança e responsável pela soberania do Brasil.Já perdemos a liderença na América do Sul ,VERGONHOSAMENTE a Venezuela,Chile e até a Colombia estão com suas Forças Armadas em condições superiores.SERÁ QUE O SENHOR NÃO TEM VERGONHA.Veja o tamanho do Brasil e a VERGONHA que esta as nossas Forças Armadas.Sr. Presidente,tome providencias URGENTES antes que seja tarde demais. E NÃO PERMITA QUE OS PIRATAS AMERICANOS INTERFIRAM EM NOSSA VIDA.TENHA A CORAGEM QUE O SEU COLEGA HUGO CHAVEZ TEM.APRENDA COM ELE.

    carlos Morgado.

  28. Eu como brasileira que sou e resido em pt,acho q Hugo Chaves fala demais .mas nós BR.temos q envestir pesado em armas,essa história d (BR)paz e amor. temos mesmo q abrir bem os olhos nós que estamos aqui fora sabemos o quanto nosso paise envejado pelas riquezas naturais,pelas estenção etc., ACORDA BRASIL ..mas fale pouco e envista mais.temos que nós preparar porque se não somos envadido como a casa da mãe joana, toda gente quer tirar proveito ,brasileiro as vezes fala demais tenho 39 anos sou da paz .Mas temos de defender nossa nação,.endependemia ou morte

  29. As FAs pede :Reequipamento geral..tá pipocando entre nossos “hermanos” atritos q vão respingar sobre nós, Brasucas. Cadê os equipamentos das n/ heroícas FAs?São eleas q garantem n/soberania.Estamos ilhados de problemas, precisamos ficar + atentos a geopolitica em nosso continente.Que Deus nos ajude.

  30. Evo Morales diz que há mercenários brasileiros combatendo ao lado dos secessionistas… e a metade do gás brasileiro que vem da Bolívia está ameaçada pelos ataques feitos nos gasodutos pelos secessionistas.
    Isso já está a envolver o Brasil.

  31. roberval

    nehum exercito da america latina,teria condições de invadir
    o territotio brasileiro,com esses armamentos adiquiridos por esses paises,e muito pouco, o brasil e muito grande um territorio imenso cidades gicantescas como são poulo e rio de janeiro serio impossivel pra esses paises,serio muita pretenção

  32. de invadir, não.
    de atacar, sim… qualquer um.
    a questão é de manter uma força de dissuação credível, e uma capacidade de projeção de poder compatível com a crescente importancia internacional do Brasil.

  33. Depois do acordo BRASIL?frança, eu passei a acreditar um pouco + na capacidade de defender-se no futuro , pois por ora é impossivel , ñ temos marinha de guerra, ñ temos caças, e mt menos um exercito capaz de fazer uma defesa cabal do país…nos próximos anos , a coisa será outra, agr ñ.Culpa desses Administradores de reponi q o país sempre teve.

  34. SERGINHO

    A MARINHA ,EXERCITO E FORÇA AÉREA ESTÃO NUMA PINDAÍBA QUE DÁ DÓ….OS COMPETENTES ESTÃO PRESTANDO
    CONCURSOS E SAINDO FORA…FICANDO OS INCOMPETENTES..A QUANTIDADE DE EVASÃO É MUITO GRANDE..
    OS NOSSOS PILOTOS ESTÃO CAINDO FORA PARA AVIAÇÃO CIVÍL..NOSSOS OFICIAIS DO EXERCITO E MARINHA ESTÃO
    PRESTANDO BONS SERVIÇOS A POLICIA RODOVIÁRIA FEDERAL,RECEITA FEDERAL ETC..ETC.. QUE PENA…PENA MESMO…TAMBEM UM TENETE GANHANDO R$5.000,00..MENOS QUE UM CONTÍNUO,MOTORISTA,PORTEIRO ELEVADOR NO CONGRESSO…SEM FALAR QUE UM SOLDADINHO QUE ENTRA HOJE NA PM DO DF GANHA R$5.000,00 …UM SOLDADINHO PRA CAPITÃO…ISTO É UMA ABERRAÇÃO….
    EQUIPAMENTOS TOP PARA QUE GANHA UMA MISÉRIA…EM RELAÇÃO A RESPONSABILIDADE DE TRABALHAR COM AERONAVES CARÍSSIMAS,SUBMARINO NUCLEAR….

  35. pedro henrique

    VENCER DESAFIOS. A FORÇA DO BRASIL
    Nome: Pedro Henrique
    A Política no Brasil sempre ouve grandes desafios, juros altíssimos e sempre apertando
    O povo. Apesares das demandas de governos no solo brasileiro sempre teve desafios
    Devastadores e escândalos de roubo
    O Brasil e uns Pais ricos em agropecuária ricos em minério de ferro e uma fantástica descoberta
    De uma fonte rica em petróleo, ou seja, a maior fonte de petróleo do mundo.
    A apesar de o país ser rico, mas as riquezas não são nossas, países como China,
    E outro que enriquecem em nossas costas, pegando nosso minério, petróleo e muito mais,
    O governo brasileiro não faz nada, vende a preço de banana. quando volta eles vendem
    O nosso próprio produto caríssimo para nós mesmos, coisas que fabricas brasileira poderiam fazer.
    E o nosso pré-sal como vamos proteger o nosso petróleo já esta na hora do governo
    Abrir os olhos tem que inverter esta história de exploração do nosso Brasil.
    Temos que pensar em tecnologia para o nosso Exercito, marinha e aeronáutica,
    Pois o Brasil pode ser alvo de palco de guerra pelas nossas riquezas principalmente o petróleo.
    Temos também que investir na tecnologia da bomba atômica o ex vice presidente José Alencar dizia apenas seremos respeitados quando colocamos medo.
    Não adianta pagar juros altos para o governo e não ter resultado, as péssimas estradas,
    A péssima manutenção dos hospitais os, mas policiamento nas ruas onde esta nosso imposto que pagamos.
    Nós temos que lutar pela nossa democracia, tem que lutar pelo nosso Brasil,
    Chega de tantas explorações de nossos bens vamos apoiar a tecnologia nuclear do Brasil,
    Vamos formar um exercito forte armado, Vamos proteger nosso petróleo afim méritos do nosso País. Temos que investir na democracia brasileira.
    Mas como, primeiro passo chega de exploração vamos investir na tecnologia nuclear, investir no exercito na marinha e aeronáutica. temos ter exemplo da Rússia e china.
    JUNTO PODERÁ
    VIVA A DEMOCRACIA BRASILEIRA PEÇO APOIO PARA QUE OUTROS AJUDEM NESSA EVOLUÇÂO. APOIO PREFEITURA MUNICIPAL DE INHAPIM

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Create a free website or blog at WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

PEDAÇOS DE SABER

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

<span>%d</span> bloggers like this: