O filme “Control”, a Agressividade e a Testosterona e a Castração dos Criminosos

Vi recentemente, o filme “Control” em DVD. Embora esperasse um bom filme, especialmente pela presença no elenco de Ray Liota e de Willem Dafoe, dois dos meus actores favoritos, fiquei algo desiludido pelo filme, mas especialmente pela forma algo atamancada como decorre a acção e sobretudo a evolução do personagem principal…

Mas isso não é o principal, neste filme…

O enredo gira em torno de testes clínicos a uma nova droga destinada a reduzir os níveis de agressividade de sociopatas e a produzir neles individuos socialmente integrados e regenerados. A essência da acção recorda-me um livro de Ficção Científica que li algures na década de 80 e onde um novo químico, também ele criado para anular a agressividade do ser humano era disseminado pelo Mundo, através de uma bactéria e reduzia os níveis de agressão a níveis tão baixos que… a espécie se extinguia… Segundo o autor certas doses moderadas de agressividade são necessárias à sobrevivência.

Na verdade, existe um fundo de verdade aqui… Diversos estudos clínicos realizados em Prisões Norte Americanas demonstraram que os seus detidos mais violentos tinham geralmente doses mais elevadas da hormona masculina, a Testosterona que a população comum. Sabe-se também que altos níveis desta hormona no sangue conduzem para além de um aumento de agressividade a um aumento do espírito de competitividade, assim, uma droga que reduzisse estes níveis, ou a introdução da hormona feminina no sistema de um agressor patológico poderia reduzir a sua propensão natural para a Agressão e para a Sociopatia… Igual consequência teria a castração, física ou química, já que a dita hormona é produzida nos testículos. De igual forma, a mesma castração teria consequências na redução a longo prazo dos níveis de Crime nas Sociedades. E por isso defendo a posição – aparentemente polémica – de que os criminosos violentos deviam ser sujeitos a castração e a tratamento médico para reduzir medicamente estes níveis de agressão. Estes tratamentos seriam muito mais humanos do que prender alguém durante 20 ou 25 anos e certamente com muito maior eficácia social e financeira…

E já agora… Querem saber quais são os vossos níveis de testoterena e agressividade? Segundo um estudo da Universidade de Alberta (Canadá) quanto menor fôr o dedo indicador comparado com o anular, mais agressivo será o homem. Segundo estes investigadores esta diferença estaria ligada à exposição à testosterona no útero.

Fontes:

http://www.psychosomaticmedicine.org/cgi/reprint/33/3/265.pdf

http://news.softpedia.com/news/Testosterone-Use-and-Organized-Crime-39582.shtml

http://news.softpedia.com/news/Too-MuchTestosterone-Kills-Your-Brain-36644.shtml

http://www.bbc.co.uk/portuguese/ciencia/story/2005/03/050304_dedocl.shtml

Segundo este Estudo, a sua mão indica que é um individuo agressivo?
1) Sim
2) NãoView Results
Anúncios
Categories: Cinema, Educação, Movimento Internacional Lusófono, Sociedade, Sociedade Portuguesa | 8 comentários

Navegação de artigos

8 thoughts on “O filme “Control”, a Agressividade e a Testosterona e a Castração dos Criminosos

  1. idéia polêmica, heim?

    Penso que, pelo menos no Brasil, deveríamos pensar em questões mais sociais, e menos individuais, sobre a criminalidade. Esta por aqui é resultado não de homens exaltados, mas de condições de vida muito ruins…

  2. Não vi esse filme, mas fez-me lembrar um outro grande filme, A Laranja mecanica. Estes “tratamentos” têm de ser bem estudados e a sua aplicação bem controlada.
    abraço

  3. A testosterona também è produzida nas glandulas supra-renais(o que explica haverem mulheres com niveis altos de testosterona e eunucos com vida sexual activa), não chegava a castração. :p

  4. JG: Pois é… Mas em muito menor escala… E por isso é que falamos de “guerreiros” e nunca (raramente!) de “guerreiras”!… é que o espírito para a agressão é essencialmente masculino…

  5. camila

    A sociedade é catrasda de muitas maneiras, polêmica castrar alguém! pq ciência evolui a cada dia, e o que é certo hj pode ser errado amanhã! mas se for pra tirar essa “mundiça” do mundo ou ao menos fazer com que eles tomem “jeito”, vamo lá! tira tudo!

  6. paula

    no filme ocorre o um ensaio clinico , com um grupo controle(pacebo)e o grupo teste (adm.do medicamento).o pesquisador pensa que o jonh esta no grupo teste e acredita que o anagresse tem efeito farmacologico.

  7. Lucas

    Poxa, um filme sobre Joy Division, sobre Ian Curtis, e vc vem me comentar sobre remedios??? foda-se os remedios!

  8. ana

    vi e adorei excelente mesmo

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade

%d bloggers like this: