Daily Archives: 2006/12/30

A OPA da Sonaecom sobre a PT e a evaporação da única multinacional portuguesa

Depois de autorizada a Operação Pública de Aquisição da Sonaecom sobre a Portugal Telecom pela Autoridade da Concorrência ficam abertas as portas para o fim da única grande multinacional portuguesa…

Belmiro de Azevedo já deixou em entrevista no último Expresso a indicação de que uma das primeiras decisões de gestão depois de assumir o controlo da PT seria a alienação da Vivo à Telefonica, que aguarda ansiosamente a oportunidade de predar esta importante empresa de comunicações móveis brasileira detida em parte, pela PT… Belmiro foi dizendo que a “Vivo perdeu no ano passado 6% da quota de mercado” e sabe-se que a Sonaecom terá que se endividar fortemente para conseguir engolir a muito maior PT, ficando escravizada depois pela sua ambição e… pelo serviço da dívida… Precisará assim de facturar “dinheiro vivo” muito depressa e a venda da Vivo está certamente no topo das prioridades da empresa de Belmiro e do seu filho…

É certo que o monopólio da PT sobre o cabo e a detenção quase total do cobre são situações que estão na base dos altos custos no acesso à Internet e na baixa penetração do Voip em Portugal e que a entrada da Sonaecom e os “remédios” da Autoridade da Concorrência poderão deixar melhor o mercado das Comunicações do que ele está… Mas a custo da evaporação da única presença significativa de uma empresa portuguesa no Estrangeiro, e logo num mercado tão importante economicamente e politicamente para Portugal como é o brasileiro…

Fonte: Tek

Acha que a OPA da Sonaecom sobre a PT será positiva para a Economia Portuguesa?
1) Sim
2) Não

View Results

Anúncios
Categories: Economia, Websites | 2 comentários

Executaram Saddam Hussein: e Agora?


(CNN)

E lá acabaram por matar Saddam Hussein. Hoje, pelas 3 da manhã (hora de Lisboa), o antigo ditador iraquiano foi enforcado numa cave escura e mal amanhada por um grupo de homens encapuçados de meias pretas.

George Bush, que já exprimira publicamente a sua “satisfação” pela condenação à morte, apressou-se a declarar que a sua execução era um “marco importante”, declarações que emitiu do fundo do poço da ignorância e imbecilidade onde vive praticamente desde que nasceu. Como se a morte do ex-ditador fosse reduzir a sanha dos fanáticos islâmicos que se fazem detonar nas ruas iraquianas todos os dias ou se diminuísse o ódio aos invasores estrangeiros ou menos a revolta dos sunitas contra o novo poder controlado pelos shiitas.

Saddam teve pelo menos a hombridade de enfrentar os seus carrascos com a dignidade que Hitler não soube encontrar dentro de si…

A sua morte, deixou uma marca de apressamento e precipitação, produto de um Julgamento dúbio e tendencioso, em vez daquilo que o mundo e todas as suas vítimas, no Koweit, no Irão e no seu próprio país, mereciam… Um Julgamento num Tribunal Internacional, da ONU. Mas este… Não o condenaria à morte, como exigia Bush e os seus mais vivos detractores shiitas no poder no Iraque… E havia ainda o risco de o Tribunal ser mais imparcial e expôr as cumplicidades que o Ocidente alimentou durante muitos anos para com o Regime de Saddam (as armas químicas americanas, os reactores nucleares franceses, as centrifugadoras alemãs, etc, etc).

Assim, fazendo a coisa num Tribunal de um governo fantoche o desfecho era conhecido de antemão e não se corria o risco de deixar o homem vivo…

E as consequências deste acto vão – como sempre – recair sobre os seus responsáveis.

Veremos quando.

Fonte: Público

Acredita que a execução de Saddam vai melhorar a situação no Iraque?
1) Sim
2) NãoView Results

Defende a Pena de Morte?
1) Sim
2) NãoView Results
Categories: Política Internacional, Sociedade | 7 comentários

sQuid S1-23: Que edifício é este?

jiw.jpg

Categories: Delírios, sQuids S1 | 2 comentários

Create a free website or blog at WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade