Hoax “It has been brought to our attention by several officials visiting”

Esta mensagem já circula por aí bastante tempo… Mas hoje, depois de ter recebido a dita pela enésima vez, decidi aplicar-lhe o meu “crivo de hoaxes”.

Esta é a corrente:

Subject: Pronúncia do Norte

Circular Interna (verídica) de uma multinacional americana em Portugal (no Porto), contra a linguagem dos trabalhadores do Norte.

“It has been brought to our attention by several officials visiting our corporate Headquarters that offensive language is commonly used by our Portuguese-speaking staff. Such behavior, in addition to violating our Policy, is highly unprofessional and offensive to both visitors and colleagues. In order to avoid such situations please note that all Staff is kindly requested to IMMEDIATELY adhere to the following rules:

1) Words like merda, caralho, foda-se, porra or puta-que-o-pariu and other such expressions will not be used for emphasis, no matter how heated the discussion.

2) You will not say cagada when someone makes a mistake, or ganda-merda if you see somebody either being reprimanded or making a mistake, or que-grande-cagada when a major mistake has been made. All forms derivate from the verb cagar are inappropriate in our environment.

3) No project manager, section head, or executive, under no circumstances, will be referred to as filho-da-puta, cabrão, ó-grande-come-merda, or vaca-gorda-da-puta-que-a-pariu.

4) Lack of determination will not be referred to as falta-de-colhões or coisa-de-maricas and neither will persons who lack initiative as picha-mole, corno, or mariconso.

5) Unusual or creative ideas from your superiors are not to be referred to as punheta-mental.

6) Do not say esse-cabrão-enche-a-porra-do-juízo if a person is persistent.
When a task is heavy to achieve remember that you must not say é uma-foda. In a similar way, do not use esse-gajo-está-fodido if colleague is going through a difficult situation. Furthermore, you must not say que-putedo when matters become complicated.

7) When asking someone to leave you alone, you must not say vai-à-merda.. Do not ever substitute “May I help you” with que-porra-é-que-tu-queres?? When things get tough, an acceptable statement such as “we are going through a difficult time” should be used, rather than isto-está-tudo-fodido.

8) No salary increase shall ever be referred to as aumento-dum-cabrão.

9) Last but not least after reading this memo please do not say mete-o-no-cu. Just keep it clean and dispose of it properly. We hope you will keep these directions in mind.

Thank you.”

Bem, se forem ao Google e procurarem pela frase inglesa inicial são brindados com uma belas centenas de variações desta mensagem…

Uma versão indiana, alegadamente enviada por um Director de Recursos Humanos, pode ser vista AQUI outra ainda, já de uma empresa de software anónima, AQUI, uma versão argentina anda por ESTAS bandas, uma outra romena, uma variante italiana, supostamente oriunda da IBM, uma eslovaca, uma peruana e muitas, muitas outras…

Todas têm em comum o facto de se referirem a uma multinacional americana, algumas indicam mesmo a dita multinacional, sendo a Microsoft e a IBM as preferidas e algumas até têm tabelas de conversão dos palavrões nas línguas nacionais para o inglês…

Ou seja, como qualquer um com o mínimo de bom senso acreditaria, é mais um Hoax / Mito Urbano… É de facto uma mensagem com piada, e isso mais do que a sua fraca credibilidade explica a sua longevidade na Internet.

E não deixa de ter a sua utilidade… Quando é que foi a última vez que insultou o seu patrão em eslovaco?

Acreditou neste hoax quando o viu pela primeira vez?
1) Sim
2) NãoView Results

Make your own poll

Categories: Hoaxes e Mitos Urbanos, Justiça | 3 comentários

Navegação de artigos

3 thoughts on “Hoax “It has been brought to our attention by several officials visiting”

  1. Esta é demasiadamente incrivel para poder ser verdade ou então estava tudo louco.
    abraço

  2. mas olha que conheço que tivesse acreditado piamente nisto… e em grande número…

  3. A ser verdade o pessoal do norte já tinha feito estrilho. Anda tudo louco mas também ainda não é tanto… 🙂
    abraço

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Create a free website or blog at WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade

%d bloggers like this: