EcoGestos(3): Jornais

Como bem escrevia o Rui Curado Silva no seu Klepsýdra:

“Após separar a parte informativa do jornal Expresso do lixo publicitário de golfes, de telemóveis, de imobiliárias e de electrodomésticos, deparei com uma montanha absolutamente obscena de papel que ia direitinho para o lixo. Não resisti a pesá-la. 1,5 kg! Leram bem, 1,5 kg de lixo que acompanha o jornal! 1,5 kg multiplicado pela tiragem média do jornal (225 000 exemplares) dá 337,5 toneladas de lixo publicitário semanal que acompanham o Expresso!!! “

O que só me pode levar a escrever mais este “EcoGesto”..

Não compre jornais, e sobretudo, não compre aquele verdadeiro mastodonte de papel que é o Expresso! Verdadeiro atentado contra a Ecologia e insulto a cada árvore que é abatida (337 toneladas de papel!) em nome de cadernos, anexos e folhetos publicitários que praticamente ninguém lê!

Ou a Imprensa reduz o desperdício de papel e opta por edições mais compactas e legíveis ou não tardará muito ou só existirá… na forma Virtual, que aliás, consulto regularmente em favor destas atafulhadas, obscenas e orgíasticas… edições em toneladas de papel.

Para ser mais preciso… Em 337 toneladas de papel!

E como para fabricar uma tonelada de papel são precisas 15 árvores (ver AQUI) não é complicado chegar à conclusão de que cada edição do Expresso sacrifica 5055 árvores! Exacto! Mais de cinco mil árvores!

Anúncios
Categories: CodeFarmPt, Ecologia | 5 comentários

Navegação de artigos

5 thoughts on “EcoGestos(3): Jornais

  1. Pedro Tavares

    Nem posso acreditar……..ainda bem que não compro essa coisa desde os tempos de universidade.

    333t ???? 5055 árvores ???? Não há vergonha, ou melhor nunca houve.

  2. ainda que parte do jornal possa ser feita com papel reciclado, a maioria do peso vem dos cadernos com melhor gramagem e papel de boa qualidade, e este… quase de certeza que não é reclicado… Mas ainda que fosse! Seria sempre papel desperdiçado!

  3. Uma excelente chamada de atenção. Vivemos no mundo do consumo e nada pára esta gente. Vou divulgar este numeros lá nas notas do Kaos se não te importas. Divulgar esta informação é importante.
    abraço

  4. é claro que não! importa mesmo é divulgar estes números… chocantes num mundo onde a Internet coloca essa mesma informação à disposição de todos os que a podem ter. E se alguns não lhe podem aceder, então cabe às Câmaras e aos Governos providenciar esse acesso a baixo custo (a Coreia do Sul na década de 90 entregou um pc de baixo custo com ligação à Internet a cada família coreana…)

  5. Eu não compro jornais nem revistas! Está tudo na internet! Sóo leio metro e destak porque a minha sogra traz,porque de resto..

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade

%d bloggers like this: