A Comunidade “Southern Berkshire”

A “E. F. Schumacher Society” tem como um dos seus objectivos a construção de economias regionais independentes, precisamente o tipo de Economias que o economista Fritz Schumacher advogada no seu livro “Small is Beautiful, Economics as if People Mattered”, nestas, os bens consumidos numa região são, produzidos nessa mesma região. Seguindo as ideias de Shumacher, Jane Jacobs descreveu em “Cities and the Wealth of Nations”, uma estratégia para o desenvolvimento económico que passava pela criação de industrias de substituição das importações. Jane Jacobs sugeria que deveríamos examinar aquilo que era importado para as nossas regiões e desenvolver as condições para produzir esses produtos a partir de recursos locais e trabalho local. Ao contrário de um ramo de uma corporação multinacional que podem abrir uma unidade local e encerrá-la precipitadamente, conduzida apenas pelas flutuações caprichosas da Economia Global, um negócio localmente detido e gerido é mais certo que estabeleca uma rede complexa de interacções económicas e sociais em torno das suas raízes regionais, mantendo o negócio no lugar de nascimento e responsável perante as pessoas, terra e pela própria comunidade. Uma economia regional independente requer novas instituições económicas regionais para a terra, trabalho e o capital, adequadas à sua escala, propósito e estrutura.

 

Estas novas instituições não podem ser conduzidas pelo Governo, e essa é a ideia. Elas foram moldadas seguindo a forma de associações livres de consumidores e produtores, trabalhando de forma cooperativa, partilhando o Risco da criação de uma Economia que reflicta a cultura comum e os valores partilhados pelo grupo. Pequenas na escala, transparentes na estrutura, desenhadas para oferecer lucro à comunidade em vez de recolher lucro da comunidade, estas novas instituições podem responder perante as preocupações comuns de segurança e justiça no Trabalho.

Tradução Livre de um segmento de um texto que pode ser encontrado em: www.berkshares.org

Categories: E. F. Schumacher Society, Movimento Internacional Lusófono, Quids S2 | 2 comentários

Navegação de artigos

2 thoughts on “A Comunidade “Southern Berkshire”

  1. Não consigo comentar no post de cima. Dá o 404.

  2. Já desconfiava que aquela foto fosse treta, daí o “supostamente”… Espero que agora não me venham dizer outras coisas… 😉 Aliás, nunca encontrei uma foto minimamente credível do tal Chupa. Apenas fotos de uns “bonecos” bastante… ridiculos (!) e montagens com esta. Se a memória não me falha, o Chupa chegou a ser referido em Portugal, já não recordo bem onde! Houve mesmo uma “Chupa-Cabras-Mania” pelo mundo fora, com t-shirts e outros produtos! O Chupa rendeu umas massas! Acho que não ficou com nenhum dinheiro para ele e, pelo menos nisso, é um tipo sério! 😀

    Julgo que esta história do Chupa Cabras surgiu em finais dos anos 40 e acho que o Chupa tem sido bode expiatório para muita coisa… Um cão de um tipo mata as cabras ao vizinho, o outro, para não pagar a despesa, culpa o desgraçado do Chupa!

    Também há testemunhas do oculares que dizem ter-se cruzado com o Chupa, mas a diversidade de descrições da sua fisiologia deita por terra qualquer credibilidade. Para uns é alien, para outros morcego, insecto, canídeo, o irmão gémeo do Bush…. ( este último foi invenção minha! )
    E há testemunhas que exageram… Tipo terem falado com ele ou terem tomado juntos um cházinho! Adiante!

    Porém, na Costa Rica, o Chupa é practicamente aceite e faz parte da cultura popular. Junte-se uma selva muito, muito densa e umas instalações top secret à la USA e o Chupa assume outra explicação… Manipulação genética! Não está mal! Mas não explica como é que o Chupa foi parar a sitios tão distantes como o Chile…

    Bem, á parte das brincadeiras, ainda há algo sério por detrás disto. Os cadáveres sem pinga de sangue… Será verdade? Haverá uma estranha espécie “vampiresca” por descobrir?

    Este está quase como Busted, mas a haverem esses corpos sem sangue, ainda lhe dou 5% de hipoteses!

    abraço!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade

%d bloggers like this: