Daily Archives: 2006/11/14

“Despede-te, porque nunca mais vais ver os teus filhos”

Uma recente reportagem emitida pela SIC Notícias (mas quantas vezes já escrevi eu postas a cascar nos desgraçados?!…) surgia a dado momento uma declaração de uma mulher separada a quem o ex-companheiro teria dito esta horrível frase: “Despede-te, porque nunca mais vais ver os teus filhos”.

A frase era citada no contexto de uma reportagem que abordava um conjunto de violências domésticas praticadas em Portugal num volume insuspeito a quem consulta este tipo de estatísticas, mas deixava de parte uma outra violência, nem por isso menor nem mais dramática que é precisamente a aplicação dessa mesma frase: “Despede-te, porque nunca mais vais ver os teus filhos” que todos os dias é ouvida por centenas de milhares de pais separados que a ouvem da boca de juízes e ex-mulheres em relação aos seus filhos (97% dos casos de tutela são decididos em favor da mãe).

Em Portugal, 1/3 dos pais separados deixam de ter qualquer contacto com os filhos ao fim de cinco anos, e nalguns casos, os Tribunais decretam mesmo a proibição destes verem os filhos, se não puderem ou quiserem pagar a Pensão de Alimentos, se os não entregarem a horas com frequência. Actualmente, em Portugal, existem cerca de 70 mil homens nessas trágicas circunstâncias e muitas centenas de milhares reféns, todos os fins-de-semana, dos caprichos e vontades arbitrárias de ex-mulheres vingativas (com ou sem razão).

 

 

Para saber mais:

Associação 26-4

Pais para Sempre

Pais sem Filhos (principal fonte deste Post)

Categories: A Escrita Cónia, Sociedade Portuguesa | 5 comentários

Quids S5-1: Como se chama este objecto?

4.jpg

Dificuldade: 3

Regulamento:

1. Cada participante pode dar uma resposta antes da minha réplica, confirmando ou não a correcção da mesma.

2. Sempre que fôr desejável, ou que o Quid se revele mais difícil que o esperado podem ser dadas ajudas, sempre uma de cada vez e com facilidade crescente. As ajudas não diminuem a pontuação do Quid.

3. Haverá um Quid por dia, lançado entre as 12:30 e as 14:30 (salvo imprevistos!) de Segunda a Sexta.

4. Os Quids da Série terminam quando um dos participantes alcançar 50 pontos.

5. Cada Quid conterá uma cópia deste Regulamento.

Categories: As Ilhas Míticas do Atlântico, Quids S5 | 11 comentários

A França testa com sucesso o seu míssil nuclear M-51

Como esperavam muitos analistas, os progressos recentes no Programa de Defesa contra Mísseis dos EUA (ler mais AQUI) lançou nervosismo entre todos os países que têm armas nucleares e mísseis de lançamento. A Rússia está a testar os seus velhos, mas ainda operacionais, mísseis SS-19, a Índia prepara-se para desenvolver mísseis intercontinentais e até a França acelerou o seu programa M-51 de um míssil a lançar dos submarinos nucleares que este país europeu opera desde a década de sessenta.

O primeiro teste de um M-51 foi conduzido na semana passada a partir de uma estação terrestre ao largo do Golfo da Biscaia.

O M-51 tem um alcance de oito mil quilómetros e deverá substituir os mísseis que equipam actualmente a frota submarina francesa até 2010, equipada actualmente com mísseis M-45, com “apenas” seis mil quilómetros de alcance.

Os mísseis serão fabricados pelo consórcio europeu EADS, medindo 12 metros de comprimentos e pesando cerca de 50 toneladas. A sua altitude de cruzeiro é de apenas mil metros, mas pode transportar seis ogivas nucleares.

Em 1996, a França tomou a boa decisão de desmantelas os seus silos terrestres, transferindo a totalidade da sua força nuclear para submarinos e aviões. Esta decisão baseou-se no reconhecimento de que actualmente existem armas nucleares com precisão suficiente para destruir mesmo os mais resistentes silos (alguns russos, conseguem aguentar pressões de 7000 psi), mas as muito precisas e potentes ogivas D-5 lançadas por submarinos americanos conseguem destruir abrigos até ao patamar dos 50000 psi, o que torna qualquer protecção obsoleta e, consequentemente, levou à decisão de abandonar estes silos terrestres…

Fica ainda por tomar a verdadeira grande decisão… Fundir as forças nucleares francesa e britânica e formar uma única e consensual (com orçamento comum) “Força Nuclear Europeia”, necessária enquanto existirem países armados com a Arma Nuclear e a decisão de banir definitivamente esta Arma terrível não seja tomada a nível mundial…

Fonte: SpaceWar

Categories: DefenseNewsPt, O Código da Vinci, Política Internacional, Sociedade | Deixe um comentário

Create a free website or blog at WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade