Cronologia das unidades de lançamentos de foguetes alemãs na Segunda Grande Guerra

1927

Desenvolvimento da Escola do Exército de Artilharia em Celle.

1929
O Departamento (HWA) tenta activar colunas na infantaria e divisões de cavalaria e desenvolve armas a jacto (pólvora negra).

1930
Teste sistemático de equipamento de fumo sob a supervisão do General Prof.Dr.Ing. Becker. Em Kummersdorf. 1931 Desenvolvimento de jactos em espiral no HWA.

1931/2
Testes com pulverizadores de fumo e foguetes de pólvora, planos para foguetes de longo alcance.

1934
Testes com 10 cm Nb.Wf. 35.

1936
Constituição das primeiras unidades de foguetes.

1937
Desenvolvimento do 15 cm Nb.Wf. 41 como arma padrão.

1938
Testes com o 10 cm Nb.Wf. 50. Resultados não satisfatórios.

1940
Anúncio de que as armas foguete estão prontas para a Frente. Utilização na Batalha de França.

1941
Unidades rearmadas com 15 cm Nb.Wf. 41. Entra em serviço do lançador pesado 28/32 cm.

1942
Uso em larga escala bem sucedido em Kertsch e na captura de Sebastopol.

1943
Primavera: reestruturação de regimentos que consistem agora em 2 ligeiros, uma unidade pesada; Regimento de Lançadores Pesados de 2 unidades pesadas (28/32 ou 30 cm), um Ligeiro (15 ou 21 cm). Verão: Formadas Brigadas de Lançadores. O 30 cm Nb.Wf. e 15 cm PzWf na Frente. Unidades de lançadores Waffen SS.

1944
Dezembro: Uso maciço na ofensiva das Ardenas.

1945
As tropas de lançadores incluiem 17 Brigadas, 50 Regimentos; 16 dos quais de Regimentos de Lançadores Pesados, 150 unidades de lançadores, 46 unidades de fumo, 13 Batalhões de Lançadores Panzer com 4.816 lançadores, 5 unidades de descontaminação, 18 veículos Nbl.Ers.Abt. com 27.066 veículos. 3/27: Regimento Treino de Fumo com 7491 homens. 4/11: Completa destruição da Fábrica de Máquinas de Donauworth (fábrica de lançadores pesados) por ataque aéreo. 5/6: Tomada de Pilsen (fábrica Skoda) pelo V Corpo do US Army. Termina a produção alemã.

Anúncios
Categories: As "Armas Secretas" da Alemanha Nazi | Deixe um comentário

Navegação de artigos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade

%d bloggers like this: