Daily Archives: 2006/07/21

Lamento, mas “de t-shirt não se entra no Parlamento”

Segundo o novo regulamento em vigor no Parlamento da R.B.M. República Bananal da Madeira os jornalistas que tentem aceder ao recinto com sapatilhjas ou jeans rasgados verão negado o seu acesso. O regulamento já foi aplicado e seis jornalistas já ficaram à porta, impedidos de fazer o seu trabalho…

O novo regulamento foi elaborado pelo Presidente da Assembleia Legislativa da Região Autónoma, Miguel Mendonça e estende a proibição a calças de ganga rotas, pólos, t-shirts e outros tipos de vestuário.

Segundo este senhor: “Está em causa o respeito pela Assembleia Legislativa da Madeira. É uma iniciativa minha que decorre das minhas competências estatutárias”

Mas na Madeira não existem problemas para que estes senhores se possam ocupar? A miséria acabou? As crianças da Madeira deixaram de ser procuradas pelos pedófilos de todo o mundo? A Madeira tornou-se uma potencia industrial? A Economia madeirense está florescente?

Fonte: Portugal Diário

Categories: Política Internacional, Política Nacional | 1 Comentário

Quids S2-6: Que cidade portuguesa é esta?…

2222.jpg

Dificuldade: 1

Categories: Genealogia, Quids S2 | 8 comentários

Algumas Dicas práticas para quem descobriu que tem carros antigos ainda em seu nome…

Se algum dos leitores deste Post tentou recentemente comprar o chamado “Selo do Carro” e descobriu que tinha mais carros em seu nome do que devia… Ou seja que os compradores (stands ou particulares) a quem vendeu os seus automóveis anteriores não trataram da devida transferência de propriedade…

Para saber se está nessa situação, aceda ao site da DGCI e vá até “Serviços Online > Contribuintes > Entregar > I.M. Veículos > Declaração” e veja se em “veículos encontrados” aparece alguma matrícula de um carro que já foi seu… Se aparecer. Azar. Tem que fazer isto que passo a dizer:

Existe apenas um processo para tratar dos carros antigos que é desencadear um “pedido de apreensão do veículo” que force os actuais proprietários a corrigir a situação. Dizem que é o único processo… (violento, não é?…)
Este é um processo em duas fases:

1.

Na Conservatória do Registo Automóvel da
Rua Mouzinho da Silveira, 34, ao Mq de Pombal, (Lisboa, para quem por cá reside) 21 311 26 00 (das 09:00 às 16:00)

solicitar uma certidão de propriedade dos dois veículos, onde deve surgir o nome do proprietário actual. Se se confirmar o erro, passar ao passo 2

MAS… Esta foi a informação que o Call Center da DGV deu… Ligando para a Conservatória (depois de muita tentativa…) soube que bastaria pedir uma “Informação de Matrícula” que custa apenas 3 euros ao contrário dos 16, da outra “Solicitação” e que tem o mesmo efeito.

2.

na DGV de Lisboa (Rua Domingos Monteiro, 7, junto à cp de entrecampos e ao lado da embaixada de angola)
solicitar a apreensão do veículo com
o impresso 10402
a assinatura PRESENCIAL do próprio
fotocópia do BI e a “informação de matrícula”

(além de pagar uma taxa de 2,49 euros)

Nota:

Ainda é possível comprar o “Selo do Carro” numa loja, mas agora exigem a apresentação do cartão de contribuinte (NIF) e o Registo de Propriedade do Automóvel ou o seu Livrete… Por isso, trate de ter tudo à mão quando comprar o Selo…

Categories: A Escrita Cónia, Sociedade Portuguesa | Deixe um comentário

A Fatwa da Maionese

Em Bagdad começaram a ser afixados comunicados da Insurgência Sunita onde se banem e promete punir com a morte o uso de calças curtas, de falafel e até de… Maionese.

Aparentemente, para estes radicais muçulmanos, todos estes alimentos deveriam ser banidos porque não existiam na época do Profeta Maomé.

Fonte: El Mundo, 9 Julho de 2006.

Categories: Sociedade, Wikipedia | 5 comentários

Uma máquina de ler o pensamento?

 

Segundo Itzhak Fried, da Universidade da Califórnia, teria sido possível reconhecer extractos do filme “O Bom, o Mau e o Vilão” (de Sérgio Leone) lendo as ondas mentais de diversos sujeitos. Segundo este responsável pela equipa que conduziu esta experiência teria sido possível reconhecer, cena após cena, a totalidade do filme.

Curiosamente, é precisamente a banda sonora deste filme que escolhi para toque do meu telemóvel…

Coincidências…

Fonte: Agência Science-Presse, Québec, Setembro de 2005.

Categories: Ciência e Tecnologia, Defesa Nacional | 6 comentários

Site no WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

PEDAÇOS DE SABER

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy