Daily Archives: 2006/07/02

Touradas, Touros, Tortura e Morte

Segundo esta notícia do Portugal Diário: “Um homem morreu e dois ficaram feridos sábado à tarde, no Pico, durante uma tourada à corda, disse hoje à Agência Lusa o director da Unidade de Saúde daquela ilha.”

Até quando é que continuaremos a sacrificar e a torturar animais em prol do divertimento de uns poucos e de uma Tradição obsoleta e cruel? Hoje, morreu um homem e dois ficaram feridos, e daí a notícia, mas quantos animais sofrem igual sorte em cada tourada sem que tal mereça uma notícia como esta?

Categories: A Escrita Cónia, Sociedade Portuguesa | 9 comentários

LOST (Perdidos): Algumas “confissões” feitas pelos produtores de Lost sobre o enredo no Podcast da ABC

A ABC tem um Podcast (tipo rádio em diferido pela Internet) que pode ser visitado em

http://abc.go.com/primetime/lost/podcasts/109335.html

Estes reunem várias entrevistas feitas ao criador e produtor Damon Lindelof e ao produtor executivo Carlton Cuse.

Aqui surgem diversas “confissões” sobre o enredo que serve de base à série… Eis o resumo das ditas, feitas aqui pelo dito:

1. Todas as questões e mistérios lançados na série encontrarão resposta até ao final da série (actualmente, parte delas serão já respondidas durante a Season 3).

2. Nenhum dos dois leram o “The Third Policeman”, tido por um dos argumentistas como a base da explicação para os mistérios da Ilha.

3. Os produtores chamam a atenção para os episódios de flashback de Charlie… Talvez se refiram à “Widmore Construction”… Cujo nome aparece no balão do verdadeiro Henry, na caixa do teste de gravidez da mulher de Jin…

4. Até ao final da Season 2, a razão pela qual o Vôo 815 da Oceanic se despenhou será explicada, mas só no último episódio (?)

5. O “Monstro” não vai aparecer na Season 2, somente por “falta de tempo”, mas surge sob outra forma… (Lindelof).

6. Questões que serão respondidas na Season 3 de Lost:

“Porquê Jack, Sawyer e Kate”?

“Como é que Locke foi parar a uma cadeira de rodas?”

“Como é que Jack ficou com aquela tatuagem no braço?”

“O que se passou com o casamento de Kate?”

“O que se passou com a Estação Cisne?”

Categories: Ciência e Tecnologia, LOST (Perdidos) | 3 comentários

Create a free website or blog at WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

PEDAÇOS DE SABER

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy