Daily Archives: 2005/09/07

Quinto Império: O Papel da Pulsão Sexual no Governo das Sociedades

A nossa tese é a de que todos os actos humanos são de uma forma ou de outra motivados pela pulsão sexual. É ainda nossa tese segundo a qual a aversão íntriseca e antinatural do Cristianismo em relação à Sexualidade explica a decadência do homem cristão (o Islão é hoje a religião universal com maior nùmero de crentes) e o aborto do projecto de Império Universal sonhado por Dom Manuel I e pelos portugueses de Quinhentos.

Efectivamente, o Sexo é a força motriz da Arte, do Poder, da Guerra, da Ciência, de todas as actividades humanas. Se alguém busca a fama usando para tal o seu cérebro quando elabora uma profunda e detalhada teoria científica; se alguém usa a mão e a Mente para pintar um belo quadro ou uma escultura desenvolta, fá-lo para merecer a admiração alheia e para granjear a atenção do sexo oposto, aumentando assim as suas possibilidades de gerar descendência, essa eterna obsessão da Mãe Natureza.

Negar ao Sexo a importante e central parte que ele ocupa nas nossas vidas é promover a aparição de traumas e desvios de comportamento que não afectam um indíviduo isolado mas que corroem e destroem sociedades inteiras. É certo que a energia anímica que o Homem deixa de consumir nas actividades sexuais com a repressão do Sexo fica disponível para as restantes actividades e essa disponibilidade explica os sucessos espectaculares mas fugazes de fenómenos como a conquista espanhola da América do Sul ou como a expansão dos Puritanos ingleses na América do Norte. Mas estas sociedades não geram corpos estáveis e duradouros, ou a américa espanhola não se revoltou em peso e não houve uma Guerra Civil nos EUA no século XIX ? Em oposição, o Brasil português – onde sempre houve uma atitude muito mais tolerante em relação à pulsão sexual manteve-se unificado e conheceu um processo de independência muito mais pacífico onde o próprio filho do rei português assumiria o governo.
Em conclusão, estabelecer um qualquer tipo de regime de governo que assente num qualquer tipo de negação ou repressão da poderosa pulsão sexual é estabelecer uma sociedade doente e instável.

Categories: A Escrita Cónia, Movimento Internacional Lusófono, Política Internacional, Política Nacional, Sociedade Portuguesa | 2 comentários

Create a free website or blog at WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade