Petição para TRAVAR o airbnb (e outros) e salvar o que resta do Arrendamento Familiar e de longa duração

1kko4v

Assine e Divulgue !
http://peticaopublica.com/pview.aspx?pi=travaoairbnb

Petição para limitar a destruição do Arrendamento Familiar pelo Airbnb e outras plataformas semelhantes
Nove Razões para Assinar esta Petição:
1. Porque o nº de habitações no mercado de arrendamento familiar teve uma queda abrupta nos últimos anos
2. Porque a grande redução da oferta criou um grande aumento dos preços médios do arrendamento familiar
3. Porque a autarquia (CML), o Parlamento e o Governo têm sido muito lentos a reagir (ou negam que o problema existe (CML))
4. Porque não há casas suficientes e a CML não cumpriu a promessa de colocar 5 mil habitações em arrendamento para a classe média
5. Porque a CML não estabeleceu – como Barcelona – limites à criação de novos hotéis e alojamentos turísticos
6. Porque Um proprietário que arrende a casa para habitação permanente entrega 28% do valor da renda ao Estado, enquanto o Alojamento Local é apenas tributado em média a 5%
7. Porque, como admitiu recentemente a secretária de Estado do Turismo: “o arrendamento de casas a turistas é um setor onde existe grande fuga aos impostos”
8. Porque o “Regime Fiscal para Residentes Não Habituais” (europeus ricos) e o “Golden Visa Portugal” (cidadãos não europeus) estão a levar a uma conversão anormal do mercado imobiliário para os segmentos mais altos cumulando-os de benefícios fiscais que faltam aos cidadãos nacionais
9. Porque o Alojamento Local já se estendeu para fora dos Bairros Históricos e se abarca hoje, praticamente, toda a cidade de Lisboa
Propostas para Regular (mais e melhor) o Mercado do Arrendamento Urbano de Curta Duração:
Os subscritores propõem à Assembleia da República que:
1) os imóveis com utilização habitacional não possam ser afetos a finalidades de alojamento turístico sem que exista a alteração do uso. Ou seja: ou os prédios são para morar, ou são para arrendar a turistas.
2) a Administração Tributária por inspecção aleatória a partir da base de dados (pública) dos Alojamentos Locais do Turismo de Portugal e por denúncia de terceiros determine quais estão registados e quais estão a pagar, de facto, impostos.
3) sejam reduzidas as taxas de IRS aplicadas a arrendamentos de longa duração (28% do rendimento)
4) seja aplicada a proposta de lei que estabelece quotas para que aos proprietários para que estes não coloquem todas as casas que têm no mercado para turistas
5) o Governo agilize as prometidas parcerias com plataformas como a Airbnb, por forma a acabar com os casos de arrendamento ilegal
6) a ASAE fiscalize de forma mais extensiva e eficaz os Alojamentos Locais
Categories: Lisboa | Deixe um comentário

três bloqueios às empresas portuguesas

três bloqueios às empresas portuguesas:
1. O Estado não paga a tempo e horas
2. O crédito mal parado (de empresas)
3. O crédito está novamente a ser concedido sem critério e a secar o bom crédito a empresas rentáveis e produtivas
Categories: Uncategorized | Deixe um comentário

Almaraz

#SabiaQue em 2008 houve um acidente nuclear em #Almaraz que contaminou o rio Tejo de radiação nuclear?
#Almaraz: Porque é que Espanha prefere a fronteira portuguesa à fronteira francesa para construir os seus aterros nucleares?!

Porque prefere irritar Portugal que os espanhóis de Madrid (onde queria, primeiro, construir o aterro)

#SabiaQue se houver contaminação radioactiva em #Almaraz esta chegará a Vila Velha de Rodão em breves minutos e numa hora a Lisboa?…
#SabiaQue mais de um quarto da energia espanhola vem de centrais nucleares há muito dadas como obsoletas – com mais de quarenta anos – e que estão há muito amortizadas?
Por isso não há interesse espanhol em encerrar #Almaraz: porque boa parte do risco é de Portugal mas a energia barata é, toda, de Espanha.
Categories: Uncategorized | Deixe um comentário

Alojamento Local

“a explosão de oferta de casas para alojamento local tem vindo, nos últimos meses, a motivar várias queixas por parte dos moradores, principalmente nos bairros históricos, que têm acusado os proprietários de fazerem pressão para eles saírem das casas arrendadas. A ideia é simples: os proprietários querem as casas no mercado de alojamento local, um negócio considerado mais atrativo financeiramente”
Categories: Uncategorized | Deixe um comentário

Almaraz

#SabiaQue Almaraz está numa zona sísmica mas quando os espanhóis quiseram construir um aterro nuclear perto de Madrid as suas populações recusaram?… Consequentemente, Espanha optou por vir construir o seu aterro para pé de Portugal…. povo mais manso…
#Almaraz: O plano inicial era construir um aterro nuclear na Meseta Ibérica (perto de Madrid) mas Espanha acabou fazendo perto de Portugal e junto ao Tejo fazendo a que a contaminação em caso de acidente (a central tem mais de 40 anos) possa chegar a Lisboa numa questão de horas!
Categories: Uncategorized | Deixe um comentário

Alojamento Local

“com o crescimento do turismo e, acima de tudo, a explosão de ofertas de alojamento local principalmente nas grandes cidades como Lisboa e Porto, quem procura casa é confrontado com preços mais inflacionados e há zonas em que é quase impossível encontrar um imóvel disponível, como na zona do Castelo ou do Bairro Alto, como admitem as mediadores”
jornal i de 16 de março
Categories: Uncategorized | Deixe um comentário

#SabiaQue

#SabiaQue há 2017 anos o PIB europeu representavam 30 % do PIB mundial e que hoje não passa de 20% do total?
Categories: Uncategorized | Deixe um comentário

o presidente do Eurogrupo

“o que o presidente do Eurogrupo disse sobre os povos do sul corresponde ao que verdadeiramente pensam os povos do norte. E ainda reivindicou uma medalha por dizer aquilo que pensam os seus conterrâneos”
Mário João Fernandes, jornal i de 24 março de 2017
“em todos os países e, em particular, em Portugal, a construção foi feita de cima para baixo. O desconforto com o não crescimento económico, com a crise do euro e com as vagas de imigrantes económicos fez com que a desconstrução europeia começasse de baixo para cima, alimentada pelos movimentos populares e pela incapacidade das elites europeias”
Mário João Fernandes, jornal i de 24 março de 2017
“há uma geração que viveu com fronteiras abertas, que estudou e procriou fora de portas por via do Erasmos, que encontrou noutros Estados um emprego graças a uma educação europeia, que consome informação a partir de redes sociais à escala planetária e que se habituou a viajar milhares de quilômetros pelo preço de uma refeição completa num restaurante modesto. Aquando do Brecht, ficaram em casa. Conviria que saíssem nos próximos tempos e que acordassem a vontade de uma classe política adormecida.”
Mário João Fernandes, jornal i de 24 março de 2017
Categories: Uncategorized | Deixe um comentário

todos os anos Portugal deixa escorrer para fora, para os bolsos do BCE, em juros da dívida, o equivalente ao que gasta com o SNS

todos os anos Portugal deixa escorrer para fora, para os bolsos do BCE, em juros da dívida, o equivalente ao que gasta com o SNS.
Urge reduzir e reescalonar estes pagamentos. Sob pena de bloquear, para sempre, o desenvolvimento do país.
Categories: Uncategorized | Deixe um comentário

Um défice de 2% é um feito notável

Um défice de 2% é um feito notável e nunca antes visto em democracia mas é apenas metade do que tem que ser feito:
colocar o país a crescer claramente acima da mesma percentagem.
E isso só pode ser feito com um alívio da carga fiscal via redução do peso global das despesas fixas no OGE (salários, pensões e juros), com mais apoio às empresas exportadoras, mais e melhor supervisão bancária.
Mas nessa frente: muito pouco se tem visto.
Mas vai que se começar a ver: já em 2017.
Categories: Uncategorized | Deixe um comentário

Apoio a descentralização municipalista

Apoio a descentralização municipalista que o Governo lançou (mas terá que ser acompanhada de uma nova lei das finanças locais e de recursos humanos) mas este processo deve ser reforçado por uma transferência de competências das câmaras para as juntas (a partir do modelo lisboeta) e por uma revisão constitucional que troque a eternamente adiada “regionalização” por “descentralização municipalista”.

Categories: Uncategorized | Deixe um comentário

Se os eleitores se afastam cada vez mais do voto

Se os eleitores se afastam cada vez mais do voto é porque os partidos ainda funcionam numa lógica de auto-protecção e de defesa dos seus contra todos (nos) e menos numa lógica de pensamento livre, não alinhado e de prioridade ao interesse geral (nacional) sobre o interesse particular (do partido).
Categories: Uncategorized | 1 Comentário

embora não seja muito democrático

embora não seja muito democrático (o critério é histórico não a vontade democrática das bases em eleições internas ou dos eleitores em Primárias Abertas) a verdade é com a decisão de recandidatar todos os atuais presidentes de câmara que não atingiram o limite de mandatos fez reduzir muito o natural clima de agitação interna que habitualmente se vive nestes meses: ninguém o escolheu, agora, mas de facto 150 candidatos já estão fechados.

Categories: Uncategorized | Deixe um comentário

A União Europeia não pode aceitar um acordo que não prejudique o Reino Unido

A União Europeia não pode aceitar um acordo que não prejudique o Reino Unido. Se permitir um acordo de saída neutro ou que, pior, favoreça os britânicos estará a sinalizar a saída de todos os outros Estados que ficam.
E o Reino Unido também não pode sair perdendo porque os seus cidadãos não lhe permitiram tal…
Avizinham-se negociações muito difíceis e… Impossíveis de concluir em apenas dois anos (como dizem os tratados).
Categories: Uncategorized | Deixe um comentário

sejamos claros

sejamos claros: a venda do Novo Banco, a custo zero, sem direito de voto de um accionista (o Estado e os seus 25%) e a um fundo abutre norte-americano não é responsabilidade deste governo.
É o produto da inépcia do Banco de Portugal, da incompetência do anterior governo e, sobretudo, de uma Europa sem visão e que não hesita em prejudicar um Estado Membro contra os seus dogmas ideológicos.
Categories: Uncategorized | Deixe um comentário

sabia que

Sabia que Portugal é o país mais centralizado da OCDE e na Europa o país onde menor percentagem da despesa pública é alçada localmente?
Categories: Uncategorized | Deixe um comentário

Diversos

“o elemento principal de toda a decepção consiste em atrair a atenção do inimigo para aquilo que se quer que ele veja, e distrair a sua atenção daquilo que se deseja que ele não olhe”
Sir Archibald Wavell
#SabiaQue um terço das emissões de CO2 da Clima têm origem de veículos automóveis ?…
#SabiaQue o iogurte é feito de…
excremento de bactérias?…
“seja optimista. Não serve de muito ser outra coisa qualquer”
Winston Churchill
“Os males do mundo devem-se tanto a deficiências Morais quanto à falta de inteligência. Mas a humanidade não descobriu até agora qualquer método para erradicar as deficiências Morais”
Bertrand Russell
(por isso é tão importante a aposta numa educação – pública – de qualidade…)
“os bramanes põem sempre nas testas e peito e ombros umas dedadas de cinza, cada vez que se acabam de lavar, em memória que são de cinza, porque quando morrem, mandam queimar os seus corpos”
Livro do que viu e ouviu no Oriente Duarte Barbosa   ?-1521
“esses naires crêem em muitas fantasias (…) que se um gato atravessa adiante, estando para fazer qualquer coisa, não a fazem. Assim, se em saindo de casa a algum negócio, acham uma gralha a acarretar lenha, tornam-se. E se em partindo de outras pessoas com que estejam, algum dos que ficam espiral, tornam-se a sentar e não partem tão azinha”
Livro do que viu e ouviu no Oriente Duarte Barbosa   ?-1521
“pela terra (de Cananor) há Cobra-de-capela, porque faz sombreiro sobre a cabeça; estas matam e, mordendo, a pessoa que morder não dura mais que duas horas”
Livro do que viu e ouviu no Oriente Duarte Barbosa   ?-1521
“nesta Fortaleza de Cochim há El Rei Nosso Senhor carregamento de suas naus e outras são feitas de novo e Gales e caravelas em tanta perfeição voto se fossem na Ribeira”
Livro do que viu e ouviu no Oriente Duarte Barbosa   ?-1521
“temos um país que é perfeitamente desenvolvível mas não com a canção do cangalheiro. Isso deprime as pessoas e destrói a força criativa”
José Magalhães
“o Presidente pode ser muito poderoso se for muito hábil e pode não ter pode nenhum se se comportar como, por exemplo, Cavaco Silva”
José Magalhães
“o governo tem um código de conduta que regula, por exemplo, as ofertas e as viagens a convite. É absurdo que o parlamento não tenha implementado um código desse gênero. Isso cria um ambiente de suspeição”

José Magalhães

“os deputados recebem muitas ofertas?
Ninguém pode responder a essa pergunta. As ofertas não sao declaradas e ninguém consegue ter a mais vaga ideia sobre qual é a dimensão do fenómeno. Enquanto não houver obrigação declaratoria é possível a suspeição máxima e conhecimento zero”
“cerca de 300 pessoas têm uma pensão vitalicia (ex-deputados) e todos os outros, no day alter, não têm nenhum apoio à reintegração. A reintegração de alguém com 50 ou 60 anos, depois de uma vida parlamentar, sobretudo para os que tiveram o ato heróico de se dedicaram em exclusivo, não é fácil. Se queremos evitar os saltos terríveis para a selva dos negócios e outros cargos aliciante, mas seguramente não exemplares, temos de tratar desta situação. É uma situação perigosa.”
“eu defendo a solução do parlamento britânico. As pessoas quotizam-se durante o mandato para exercerem solidariedade com quem já não exerce o mandato. Isso gera um complemento de reforma gerido como todos os fundos de pensões.”
#SabiaQue entre 2009 e 20140 a população de elefantes da Tanzânia (a maior do mundo) caiu mais de 60% devido à caça ilegal e à procura por marfim do mercado chinês?
#SabiaQue o homem que pagou o teatro romano de Lisboa era um escravo liberto que ascendeu socialmente e enriqueceu o suficiente para mandar fazer essa grande obra?
#SabiaQue na Idade Média e no Renascimento portugueses embora ninguém tivesse “férias” havia mais de 50 feriados religiosos por ano?
#SabiaQue entre 5 a 8% da população portuguesa do Renascimento português tinha escravos e que estes chegaram a 10% da população total?
#SabiaQue no Portugal do século XVI existiam escravos chineses, indianos e até japoneses. Tendo sido os escravos japoneses proibidos por Dom Sebastião?
#SabiaQue a operação militar argentina de invasão das Malvinas se chamava “invasão Goa” numa alusão à invasão da União Indiana aos territórios portugueses na Índia em 1961?…
#SabiaQue a Argentina perdeu a Guerra das Malvinas porque não quis esperar alguns meses por uma remessa de mais mísseis Exocet?
(e que muitas das bombas lançadas dos seus aviões eram defeituosas e não explodiram?)
Categories: Uncategorized | Deixe um comentário

Espírito de Claque

o espírito de claque é um dos grandes responsáveis pelo descrédito dos partidos junto dos cidadãos.
As pessoas sabem que nenhum partido acerta sempre sobre tudo e quando vem militantes e dirigentes a defenderem TUDO sabem que, algures, têm que estar a mentir.
E isso descredibiliza-os
a eles (militantes)
e aos partidos em que militam
erro: precisa-se
(e reconhecimento do mesmo)
Categories: Uncategorized | Deixe um comentário

Projecto de Regulamento Municipal do Arvoredo

#SabiaQue segundo o projecto de Regulamento Municipal do Arvoredo é proibido atar objetos em árvores que danifiquem os tecidos vegetais?
(como as decorações de Natal…)
Mais uma razão para assinar a
#SabiaQue segundo o projecto de Regulamento Municipal do Arvoredo é proibido fazer despejos em canteiros ou caldeira que prejudiquem as árvores?
Mais uma razão para assinar a
#SabiaQue segundo o projecto de Regulamento Municipal do Arvoredo é proibido efectuar rolagem (cortar rente um ramo) de uma árvore em qualquer circunstância?
Mais uma razão para assinar a

http://peticaopublica.com/pview.aspx?pi=regulamentoarvoredo
(se ainda não o fez)

#SabiaQue segundo o projecto de Regulamento Municipal do Arvoredo é proibido substituir exemplares removidos por espécie diferente excepto se enquadrado num plano de substituição de arvoredo

Mais uma razão para assinar a

http://peticaopublica.com/pview.aspx?pi=regulamentoarvoredo
(se ainda não o fez)

#SabiaQue segundo o projecto de Regulamento Municipal do Arvoredo é proibido alterar a caldeira de uma árvore ou eliminá-la (pavimentando) excepto se tal for enquadrado num plano de intervenção aprovado pela CML?
(se ainda não o fez)
#SabiaQue segundo o projecto de Regulamento Municipal do Arvoredo é proibido abater árvores sem autorização da CML?
Mais uma razão para assinar a

http://peticaopublica.com/pview.aspx?pi=regulamentoarvoredo

#SabiaQue segundo o projecto de Regulamento Municipal do Arvoredo as intervenções nas árvores nos domínios privados dependem da prévia autorização do presidente da CML ou da Junta para:
ator ou pendurar objetos e obras que interferem com o sistema radicular?

http://peticaopublica.com/pview.aspx?pi=regulamentoarvoredo

#SabiaQue segundo o projecto de Regulamento Municipal do Arvoredo durante a realização de obras deve ser colocada uma cercadura na zona de segurança da árvore, fixa e com dois metros de altura?

http://peticaopublica.com/pview.aspx?pi=regulamentoarvoredo

#SabiaQue, segundo o projecto de Regulamento Municipal do Arvoredo, a aproximação, em escavações a árvores, deve ser feita manualmente ou com o auxílio de jato de água com pressão adequada?

http://peticaopublica.com/pview.aspx?pi=regulamentoarvoredo

#SabiaQue, segundo o projecto de Regulamento Municipal do Arvoredo, quando em obra, as raízes expostas das árvores devem ser cobertas por um geotêxtil regado em permanência por sistema de aspersão?
#SabiaQue, segundo o projecto de Regulamento Municipal do Arvoredo na zona de proteção do sistema radicular das árvores não é permitido o derrame de pó de pedra ou cal nem a concentração de água provenientes de obras?

http://peticaopublica.com/pview.aspx?pi=regulamentoarvoredo

#SabiaQue, segundo o projecto de Regulamento Municipal do Arvoredo os limites externos das caldeiras das árvores devem estar sobreelevados em relação ao pavimento por forma a garantir a sua correcta percepção como obstáculo por invisuais?
#SabiaQue, segundo o projecto de Regulamento Municipal do Arvoredo a área das caldeiras das árvores deve estar protegida por grades, grelhas ou outros elementos que garantam a penetração de água mas protegendo-o e que tenham um sistema anti-roubo?
#SabiaQue, segundo o projecto de Regulamento Municipal do Arvoredo os avisos de intervenção em arvoredo devem ser afixados incluindo os motivos, a entidade que efectuará o abate e sempre com a antecedência de dez dias?
#SabiaQue, segundo o projecto de Regulamento Municipal do Arvoredo, a comunicação das intervenções no arvoredo deve ser afixada nos locais de aviso da freguesia, nos sites da CML e da Junta de Freguesia?
#SabiaQue, segundo o projecto de Regulamento Municipal do Arvoredo a afixação de avisos nas árvores deve ser feita com fita adesiva por forma a não causar danos no arvoredo? Em nenhum caso é permitido o uso de pregos ou outro material com perfurações da casca ou no lenho da árvore.
#SabiaQue, segundo o projecto de Regulamento Municipal do Arvoredo as juntas podem proceder ao abate urgente de árvores que representem um risco para pessoas e bens mas apenas depois de uma avaliação devidamente certificada?
#SabiaQue, segundo o projecto de Regulamento Municipal do Arvoredo a fiscalização das disposições do regulamento compete à Polícia Municipal e aos serviços técnicos da CML e das Juntas?
#SabiaQue, segundo o projecto de Regulamento Municipal do Arvoredo a negligência no cuidado e tratamento das árvores são puníveis por coimas?
#SabiaQue, segundo o projecto de Regulamento Municipal do Arvoredo a entidade gestora do arvoredo deve elaborar um plano de plantações anuais sendo que os trabalhos de plantação devem ser executados em janeiro e fevereiro para a generalidade das espécies e em abril e maio para os jacarandas e tipuanas?
#SabiaQue, segundo o projecto de Regulamento Municipal do Arvoredo a dimensão mínima dos exemplares a plantar em caldeira deve ser de 16 cm?
Categories: Uncategorized | Deixe um comentário

Brasil

#SabiaQue o Brasil é o segundo maior consumidor mundial de cocaína?
#SabiaQue 80% da cocaína que entra na Europa vem do porto brasileiro de Santos?
#SabiaQue a fronteira do estado do Mato Grosso com o Paraguai não é controlada pelo Brasil mas pela máfia do Primeiro Comando Vermelho (disputado pelo Primeiro Comando da Capital)?
Categories: Uncategorized | Deixe um comentário

Frederick Pohl, JEM A Construção duma Utopia

“os seres humanos deixam de ter um papel na evolução antes mesmo de cumprirem metade das suas vidas. A sabedoria não vem aos 25 anos. Quando chega a haver uma diferença significa entre um Da Vinci e um tolo qualquer, os dias da fertilidade já passaram. Tal como acontece no que diz respeito às doenças degenerativas dos velhos, sendo está a razão porque em dois milhões de anos a raça humana ainda não fez uma seleção contra o cancro, a artrite ou a arteriosclerose”
Frederick Pohl, JEM A Construção duma Utopia
“os franceses eram aliados inconstantes e súbditos que não mereciam confiança e os poucos que demonstravam algum sentido de determinação acabavam geralmente com as cabeças rapadas ou cortadas por aqueles que não sabiam o que isso era”
Frederick Pohl, JEM A Construção duma Utopia
Categories: citações | Deixe um comentário

Woody Allen em “Scoop”

“estava no salão, ouvi-te a afogares. Terminei o chá e os cones e vim imediatamente”
Woody Allen em “Scoop”
“nasci na religião hebraica mas quando cresci converti-me ao narcisismo”
Woody Allen em “Scoop”
“não engordo um quilo. A minha ansiedade funciona como aeróbica”
Woody Allen em “Scoop”
“o homem é um assassino e um aldrabão. E digo-o com todo o respeito”
Woody Allen em “Scoop”
“você é um angustiado compulsivo que vê sempre o copo meio vazio.
Não. Engana-se. Vejo o copo meio cheio, mas de veneno”
Woody Allen em “Scoop”
Categories: citações | Deixe um comentário

António Arnaud, entrevista ao i de 2 dezembro 2016

“em 1979 quando a lei do Serviço Nacional de Saúde foi votada, o PSD e o CDS votaram contra. Foi votada com os votos do PS e do PCP”
António Arnaud, entrevista ao i de 2 dezembro 2016
“o SNS perdeu três mil camas e dizem que se calhar estavam a mais. Não estavam a mais. Nós temos trezentas e tal camas por cem mil habitantes. A média europeia é de 500 e tal camas. Nós precisamos de mais camas”
António Arnaud, entrevista ao i de 2 dezembro 2016
“a ideia de Passos Coelho era fazer um SNS só para os mais pobres, porque os pobres não podem ser clientes do sector privado. Ao setor privado só interessa da classe média para cima. Eles dizem que o setor privado fica mais barato. Fica mais barato porque não tem as despesas inerentes ao funcionamento do SNS. As urgências permanentes, o ensino, as vacinas, a medicina preventiva…”
António Arnaud, entrevista ao i de 2 dezembro 2016
“a ADSE é uma fonte de rendimento do setor privado. O setor privado sem a ADSE defina. Vivia do quê? Vivia dos seguros? Os seguros não funcionam”
António Arnaud, entrevista ao i de 2 dezembro 2016
“há falta de eficiência no SNS pela saída de muitos profissionais para o privado. Há muitos anos que defendo a criação de uma carreira pública equiparada à dos magistrados para aqueles profissionais que aceitassem a dedicação exclusiva”
António Arnaud, entrevista ao i de 2 dezembro 2016
“há certos sectores em que para conseguir uma consulta está um ano, porque não há especialistas. Saíram do público e foram para o privado e o privado ganhou com a incorporação desses profissionais e ao mesmo tempo ganhou com a retirada deles do setor público”
António Arnaud, entrevista ao i de 2 dezembro 2016
“eu deixei a política em 83 porque o poder econômico começou, nessa altura, a querer mandar – eu digo querer mandar que é um ecletismo – no poder político e começou a subsidiar as campanhas. Até aí, os candidatos pagavam do seu bolso. Pagavamos as campanhas e colavamos os cartazes. Eu era um perito a colar cartazes. Havia uns sujeitos que traziam a cola e nós íamos pelo distrito a colar cartazes. Era engraçado porque às vezes encontravamos a malta do PC ou do PSD e acabava-se a cola e pedaços cola emprestada”
António Arnaud, entrevista ao i de 2 dezembro 2016
“a corrupção tinha começado (década de 1980) e quando começa é como uma epidemia e não há propriamente vacina. Só a denúncia pública. Hoje está tudo comprado ou vendido. Quase tudo. Eu tenho a minha alma limpa e se tivesse ficado na política eu conservava a minha alma limpa mas podia ter alguns salpicos, porque estava limitado pela camarada e pela solidariedade que devia aos meus correligionários. Eu não podia estar a acusar o partido. Mas eu digo aí (aponta para o romance “O rio das Sombras” o caso de um sujeito que quis ser deputado dois ou três meses para ficar no currículo e pagou cem contos ao PS”
António Arnaud, entrevista ao i de 2 dezembro 2016
“em 1975 quando foram as eleições para a Assembleia Constituinte todos os políticos tinham uma carreira profissional. Eram professores, empresários, vinham de profissões liberais. Todos tinha uç sítio de refúgio. Aborreciam-se com a política e voltavam ao seu posto de trabalho. Depois as coisas mudaram e hoje alguns que estão na política nunca fizeram outra coisa. É por isso que precisam dela e fazem tudo para se manterem”
António Arnaud, entrevista ao i de 2 dezembro 2016
Categories: Política Internacional, Uncategorized | Deixe um comentário

#PerguntaSingela: Se a Alemanha tem superavit orçamental e se isso viola o Tratado Orçamental porque não é multada e esse excesso (desviado dos países do Sul) reverte para um “Plano Marshall” europeu?…
(Porque Sim e porque falamos da Alemanha)
Categories: Economia, Política Internacional, Política Nacional, união europeia | Deixe um comentário

A Máquina Assassina, Jack Vance

“quando entra a erudição desaparece a poesia. Que vulgar é o homem de intelecto que não sabe sentir”
A Máquina Assassina, Jack Vance
Categories: citações | Deixe um comentário

Uma Junta de Freguesia para a Lisboa do Século XXI

Embora nada, em lado nenhum, seja igual ao que era há apenas um par de anos, existe algo que resiste – ainda e sempre – à mudança. Trata-se das Juntas de Freguesia de Lisboa: tudo à sua volta mudou: mudou a escala do orçamento que têm ao seu dispor (hoje de vários milhões), mudou a escala das suas competências (funcionam, hoje, como mini-câmaras) e mudaram os tempos. Mas não mudaram as Juntas.
No século XXI os cidadãos tem o dever de escrutinar o exercício dos seus eleitos e estes tem a obrigação de atender a este escrutínio com rapidez, eficiência e num espírito de permanente disponibilidade.
O poder local é, por definição, a verdadeira democracia de proximidade procurada por teóricos e práticos desde os alvores da democracia na Antiguidade Clássica. Se os cidadãos estão, geralmente (e infelizmente) alheados da realidade nacional e internacional, sentem-se envolvidos e em muito primeira pessoa por todas as problemáticas locais e quanto mais próximas estas são, maior envolvimento sentem: a sua prioridade está para com a sua casa, depois para a sua rua, bairro, freguesia, município, região e só depois, muito depois, para com o pais e continente (ou União Europeia). Por isso resulta particularmente estranho saber que os eleitos locais (nos municípios e nas freguesias) se lamuriam da falta de participação dos cidadãos nos fóruns que criaram para esse efeito: reuniões descentralizadas, assembleias de freguesia, reuniões públicas do executivo autárquico. Nem por um minuto passa pela cabeça destes eleitos que esta ausência não se deva ao desinteresse dos cidadãos mas à incapacidade dos eleitos em adequarem esses espaços de participação às necessidades dos cidadãos.
Não faz sentido que estas assembleias ou reuniões ocorram apenas uma vez de três em três meses, não faz sentido que as reuniões de executivo ocorram de tarde (a Assembleia Municipal de Lisboa reúne-se no começo da tarde dos dias úteis) ou a horas (18:00) em que muitos cidadãos ainda estão nos seus postos de trabalho. Não faz sentido que os presidentes de câmara e de junta sejam pessoas inacessíveis, que não podem ser contactadas por mail ou por telefone, que recusem reuniões com associações ou grupos de cidadãos ou que não criem sistemas eficazes e mensuráveis de pedidos e contactos dos cidadãos.
O tempo novo em que vivemos é um tempo cheio de novas exigências. Isto é ainda mais verdade para todos aqueles que têm obrigações públicas. O antigo “presidente” que vivia no alto de uma torre de marfim, que cruzava a sua freguesia ou município de carro e que não a cruzava a pé, todos os dias, está a dar os últimos sopros e não tem mais cabimento num mundo em que os cidadãos exigem responsividade, participação e proximidade constante e permanente com os seus eleitos.
Categories: Lisboa | Deixe um comentário

António Arnaud

“a política devia ser um dever de exercício de cidadania. Servir o país devia ser uma honra. Hoje as coisas sao diferentes”
António Arnaud
“a Europa está vendida aos grandes grupos econômicos. Eu não cometerei nenhuma injustiça se disser que a maioria daqueles comissários, que eu não conheço, foi indicada pelas grandes companhias majestaticas européias ou mundiais”
António Arnaud
Categories: citações | Deixe um comentário

“um homem enfático vive cem vidas; sente as alegrias, tristezas, desgosto e, terrores, muito para além do homem comum. Regozija-se profundamente, sofre profundamente, teme profundamente, mas nunca quereria modificar fosse lá o que fosse”
Jack Vance, A Máquina Assassina
Categories: citações, Uncategorized | Deixe um comentário

Create a free website or blog at WordPress.com.

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

Moradores do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Moradores do Areeiro

AMAA

Associação de Moradores e Amigos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES ALTRUISM

A new world with universal laws to own and to govern everything with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade

Parece piada... fatos incríveis, estórias bizarras e outros micos

Tem cada coisa neste mundo... e todo dia surge uma nova!

O Vigia

O blog retrata os meus pensamentos do dia a dia e as minhas paixões, o FLOSS, a política especialmente a dos EUA, casos mal explicados, a fotografia e a cultura Japonesa e leitura, muita leitura sobre tudo um pouco, mas a maior paixão é mesmo divulgação científica, textos antigos e os tais casos ;)